CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde
Trending

Chapada: Prefeitura de Jacobina reabre Hospital Regional Vicentina Goulart após seis anos fechado

Em funcionamento, o Hospital vai suprir uma demanda reprimida não só local, mas em toda região nas áreas de cirurgia geral, urologia, oftalmologia, coloproctologia, ortopedia e traumatologia.

O Hospital Regional Vicentina Goulart, localizado no município de Jacobina, na Chapada Norte, foi reaberto na última sexta-feira (20) pela prefeitura local após seis anos fechado. O evento de reinauguração aconteceu e contou com a presença do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, além do prefeito Luciano Pinheiro (DEM) e do deputado federal Elmar Nascimento (DEM-BA) – que em julho de 2019 destinou R$9,5 milhões em emendas para o fundo municipal de saúde de Jacobina. O parlamentar agora atua para garantir mais recursos no ano de 2020 e, assim, ampliar a assistência sem onerar os cofres municipais.

Em funcionamento, o Hospital vai suprir uma demanda reprimida não só local, mas em toda região nas áreas de cirurgia geral, urologia, oftalmologia, coloproctologia, ortopedia e traumatologia. Estão previstos anualmente, 2.500 cirurgias nessas especialidades e mais de 50.000 exames e atendimentos ambulatoriais. Conforme o prefeito da cidade Luciano Pinho a reabertura do Hospital é de grande importância para toda a população do local e da região, devido a ampliação do atendimento na localidade.

“Esse momento mexe com o emocional de todo jacobinense. A reabertura é importante porque vai atender também especialidades de alta complexidade e sem dúvida isso vai trazer uma melhoria substancial para a saúde do nosso município. Aliado a isso, a empresa que está à frente é conceituada e com grande experiência e eu tenho certeza que vai responder a altura que a população de jacobina precisa e merece”, declarou o prefeito.

Toda operacionalização e administração do hospital será feita pela Associação Saúde em Movimento (ASM), organização social, sediada em Salvador que atua no ramo há mais de dois anos, desenvolvendo atividades de apoio a saúde em municípios da Bahia e Sergipe, além de prestar serviços filantrópicos voltados ao apoio à saúde.

O diretor Médico, Claudio Vitti, relata a satisfação e a extrema responsabilidade em desempenhar essa importante missão. “A instituição vai garantir os princípios fundamentais do SUS [universalidade, a integralidade e a equidade] e buscar investimentos privados e incentivos públicos através do Núcleo de Ensino e Pesquisa da ASM, garantindo a otimização dos recursos e a eficiência de sua aplicação”, afirma Vitti. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios