Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica
Trending

Chapada: Prefeito Valdes Brito vai para a reeleição em 2020 com oposição enfraquecida em Itaetê

Na eleição de 2016, Valdes teve 3.689 votos, venceu Zenildo por apenas 45 votos de diferença. O ex-prefeito apoiado pelo grupo de Jorge Estrela teve 3.644.

O ano de 2020 será marcado por eleições municipais no mês de outubro, mas as articulações de quem vai para a disputa já começaram desde 2019. No município de Itaetê, na Chapada Diamantina, por exemplo, o prefeito Valdes Brito (PT) vai em busca da reeleição depois de três anos de atividades que mudaram a realidade do povo itaeteense e com apoio de seus representantes na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba). Essa situação deixa o atual gestor em vantagem contra possíveis candidatos oposicionistas. Até os vereadores da oposição ficaram sem orientação.

Isso porque o grupo adversário perdeu a força do ex-prefeito Jorge Estrela, que mudou seu domicílio eleitoral para Salvador, segundo aponta seus próprios aliados. Entretanto, ele deve apoiar Zenildo Matos (PSD) para o pleito de 4 de outubro em Itaetê. Na eleição de 2016, Valdes teve 3.689 votos, venceu Zenildo por apenas 45 votos de diferença. O ex-prefeito apoiado pelo grupo de Jorge Estrela teve 3.644. Em terceiro lugar ficou o candidato Luciano Passos (PCdoB), que teve 289 votos.

Nas eleições gerais de 2018, Valdes mostrou mais uma vez que o grupo é unido e a votação para presidente foi concentrada em Fernando Haddad (PT) – que conquistou 5.056 votos (73,08%) quase cinco vezes mais que o segundo colocado Jair Bolsonaro, que obteve 1.364 votos, ou seja, 19,72% dos votos válidos. Eles deram ao também deputado federal Valmir Assunção (PT) 2.888 votos, o que corresponde a 41,09% dos votos apurados.

Na disputa para eleger o deputado estadual, o grupo de Valdes se uniu também para apoiar dois candidatos, Eduardo Sales (PP), que obteve 1.907, e Marcelo Veiga (PSB) que obteve 1.659. Já o grupo de oposição liderado por Jorge Estrela e Zenildo Matos deram ao estadual Sandro Régis (DEM) 1.365 sem falar no candidato do PSDB, Augusto Castro, com apenas 157 votos.

Em julho de 2020, os partidos políticos estão autorizados a promover as convenções internas para escolha de seus candidatos, que deverão ter os registros das candidaturas apresentados à Justiça Eleitoral até 15 de agosto. No dia seguinte, a propaganda eleitoral está autorizada nas ruas e na internet até 3 de outubro, dia anterior ao primeiro turno.

Jornal da Chapada

Leia também

#Eleições: Brasileiros vão eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores no pleito de 2020

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios