AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal
Trending

Chapada: Homem de 38 anos com transtorno mental reencontra a família em distrito de Mucugê após um mês desaparecido

“Graças a Deus e ao Jornal da Chapada nós conseguimos encontrar ele, todas as pessoas que entraram em contato com a gente disseram que reconheceram ele por causa da reportagem que o jornal fez", declara a prima Rosane Profeta.

A família de Claudinei Oliveira Santos, de 38 anos, tem motivos de sobra para estar feliz. O homem que estava desaparecido (leia aqui) desde o último dia 5 de fevereiro foi reencontrado em Feira de Santana e já se está com seus familiares no distrito de Guiné, no município de Mucugê, na Chapada Diamantina.

Em contato com o Jornal da Chapada, Rosane Profeta de Oliveira, prima de Claudinei, relata que ele estava em Feira de Santana e foi reconhecido por um jovem que viu a reportagem publicada pelo jornal. O rapaz conseguiu conversar com Claudinei e perguntou para onde ele estava indo, e ele falou que estava indo para Seabra.

Já em Seabra, outro homem, que também soube do caso por meio do Jornal da Chapada, reconheceu Claudinei e perguntou para onde estava indo. Em resposta, informou que estava à caminho de Palmeiras. Na cidade de Palmeiras, mais um leitor do jornal, que viu a matéria, o reconheceu e fingiu que estava indo para Guiné e ofereceu carona para o homem que finalmente reencontrou seus familiares.

“Graças a Deus e ao Jornal da Chapada nós conseguimos encontrar ele, todas as pessoas que entraram em contato com a gente disseram que reconheceram ele por causa da reportagem que o jornal fez. Nós agradecemos muito e estamos muito felizes de termos encontrado ele são e salvo. Deus abençoe vocês!”, declarou Rosane, agradecendo em nome de toda a família.

Jornal da Chapada

Leia também

Chapada: Família do distrito de Guiné em Mucugê procura por homem desaparecido com problemas psicológicos

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios