Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Números da SSP mostram clima de tranquilidade do Carnaval de Salvador

ssp
Os resultados positivos estão diretamente ligados ao aumento da produtividade policial | FOTO: Raul Golinelli/GOVBA |

Desde o primeiro dia do Carnaval 2014, os dados estatísticos apresentados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) mostram redução do número de ocorrências graves em relação à festa do ano passado. No período entre quinta e segunda-feira (27 a 3), a redução média chegou a 35%. Os números foram apresentados, nesta terça (4), durante reunião de avaliação realizada diariamente com os diversos órgãos que participam da organização da festa, no Quartel dos Aflitos.

Conforme o relatório do quinto dia de Carnaval, foi registrado um homicídio este ano contra dois na festa de 2013, com redução de 50%. Diminuiu também o número de tentativas de homicídio (três em 2013 e uma este ano), o que representa queda de 66%. Em relação às lesões corporais, foram 123 em 2014 e 200 no mesmo período do Carnaval passado, o equivalente à redução de 38,5%. Quanto aos crimes contra o patrimônio, houve 456 furtos em 2014 e 765 em 2013, uma redução de 40%. Já os roubos diminuíram 11,5%, com 87 ocorrências no ano passado e 77 este ano.

Os resultados positivos estão diretamente ligados ao aumento da produtividade policial, além do número maior de efetivo atuando na festa. Este ano entrou em operação, no carnaval de Salvador, o Centro Integrado de Gestão de Emergências (Cige), que reúne no Parque Tecnológico, na Avenida Paralela, os órgãos de segurança pública e defesa civil, além dos mais modernos equipamentos de monitoramento, auxiliando na tomada de decisões e na realização das operações necessárias à manutenção da tranquilidade da festa.

Com isso ficou mais rápida e efetiva a ação policial. Nos cinco dias do Carnaval deste ano, 994 pessoas foram conduzidas a delegacias e 81 presas em flagrante. Também foram apreendidas seis armas de fogo e 22 armas brancas.

Parcial
Das 7h à meia noite desta terça-feira (4), último dia do Carnaval de Salvador, nenhum homicídio, nem tentativa de homicídio foram registrados nos circuitos Osmar (Centro), Dodô (Barra) e Batatinha (Centro Histórico). Nesse período, foram contabilizados no percurso do circuito do Campo Grande 16 lesões corporais, sete furtos e dois roubos. No Dodô, ocorreram quatro casos de lesão corporal, 13 de furto e três registros de roubo. Já no Centro Histórico, a polícia computou apenas um furto.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios