Paulo Souto defende ações para o Semiárido em Abaré

Postado em jul 13 2014 - 11:41am por Jornal da Chapada
souto

O candidato do DEM ao governo da Bahia em visita ao município de Abaré | FOTO: Valter Pontes/Coperphoto |

“A maior parte do território da Bahia (65%) está na região do Semiárido, onde vivem milhões de baianos. Vamos trabalhar para melhorar a condição de vida desta gente guerreira com um eficiente programa de desenvolvimento”, anunciou o candidato a governador, Paulo Souto, da coligação Unidos pela Bahia, na manhã deste domingo (13), em Abaré, no Norte do estado. O Programa de Desenvolvimento do Semiárido, que Paulo Souto pretende implantar no caso de eleito, prevê iniciativas para a agricultura familiar, como o novo Cabra Forte, totalmente reestruturado, e a construção de novas barragens e adutoras. Além disso, ele destacou a necessidade do Governo Federal lançar um Programa Decenal de Desenvolvimento do Semiárido.

“O nosso candidato a senador Geddel Vieira Lima, que tanto fez pelo Semiárido, quando ministro da Integração Nacional, será a nossa voz em Brasília para convencer o Governo Federal a criar este programa de forma articulada com todos os estados nordestinos, com orçamentos plurianuais aprovados pelo Congresso Nacional e com autonomia de ter continuidade ao longo de diferentes governos”, explicou Paulo Souto.

Ao lado do candidato a vice Joaci Góes, Geddel aprovou a proposta e se comprometeu a trabalhar intensamente no Senado Federal pela elevação das condições de vida dos sertanejos. “Se hoje a Bahia está muda no Senado, será bem diferente em 2015, quando com o voto da maioria dos baianos, estarei lá, como senador, para fazer reverberar por todos os cantos daquela casa a voz poderosa de nosso estado”.

outra

Paulo Souto e comitiva são recebidos por lideranças políticas locais | FOTO: Valter Pontes |

A infraestrutura é outro problema sério da região Norte do estado, observado pelo presidente estadual do Democratas, José Carlos Aleluia. Na viagem para Abaré, ele constatou as péssimas condições das estradas estaduais. “Não há mais asfalto nas pistas, a situação precária das rodovias estaduais nesta região está causando o desvio da produção agrícola para Pernambuco, onde as estradas estão conservadas”, observou.

Mas, para Aleluia, com Paulo Souto, governador, e Geddel, senador, o problema das rodovias estaduais será revolvido a partir de 2015. Ele, junto com o deputado federal Lúcio Vieira Lima e o estadual Pedro Tavares, acompanhou a chapa majoritária da oposição na visita à 3ª etapa do Campeonato Brasil Nordeste de Motocross, realizada neste domingo, em Abaré.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.