Novas federais tornam sonho da universidade mais próximo dos baianos

Postado em set 7 2014 - 11:04am por Jornal da Chapada
rui

Rui Costa comemora início das aulas nas universidades federais do Sul e do Oeste baiano | FOTO: Reprodução |

“Esse é um momento histórico para a Bahia, que conseguiu ampliar o acesso ao ensino superior de qualidade a milhares de jovens, fortalecendo o processo de retomada do desenvolvimento”. Assim o candidato a governador da Coligação Pra Bahia Mudar Mais, Rui Costa, definiu o inicio das atividades da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e dos 12 novos cursos na Universidade Federal do Oeste da Bahia (Ufoba), nesta próxima segunda-feira (8).

Com a presença do governador Jaques Wagner, a aula inaugural da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), campus de Itabuna, será proferida pelo ministro da Educação, José Henrique Paim. Além do campus em Itabuna, terá campi em Porto Seguro e Teixeira de Freitas e Colégios Universitários em 25 municípios do Sul da Bahia, que servirão de porta de entrada para a universidade. Serão oferecidas 36 opções de cursos a 11.110 estudantes de graduação e pós-graduação. A Ufoba, com sede em Barreiras e campi nos municípios de Bom Jesus da Lapa, Barra, Santa Maria da Vitória e Luís Eduardo Magalhães terá 35 cursos de graduação e pós-graduação e atenderá 7.930 estudantes.

Rui Costa lembra que até 2002 a Bahia, apesar de ter a quarta maior população do país, tinha apenas uma universidade federal, a Ufba. De lá para cá foram criadas a Universidade Federal do Vale do São Francisco, a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, a Universidade Federal do Sul da Bahia e Universidade Federal do Oeste da Bahia. “Passamos de uma para cinco universidades federais com Lula e Dilma. Vamos trabalhar para fortalecer o ensino superior, ampliar o numero vagas e cursos e atrair novas universidades, de maneira a contemplar todas as regiões do Estado”, afirma o candidato, que terá na Educação um dos principais focos de seu governo.

Entre as propostas de Rui estão o apoio à criação da Universidade Federal do Sudoeste da Bahia, Universidade Federal da Chapada Diamantina, Universidade Federal do Nordeste Baiano e Universidade Federal da Serra Geral, além da interiorização e implantação, nos grandes bairros populares de Salvador, de cursos de graduação e pós-graduação.

Deyse Câmara, 19 anos, moradora de Barreiras, fará o curso de medicina na Ufoba. Ao lado da mãe Jucélia Câmara manifestou a felicidade de poder fazer o curso que sonhou desde a infância perto de casa. “Nunca imaginei estudar medicina em Barreiras, próxima da família e dos meus amigos. Sem dúvida, a UFOB é uma grande conquista para a Região”, afirmou em entrevista ao site Novoeste On Line, na última quinta-feira (4).

Rui diz que o relato da jovem é motivador, “dá força para continuarmos trabalhando para a Bahia e o Brasil avançarem para dar oportunidades para os jovens”, comemorou. O candidato ressaltou que outra notícia que deve ser comemorada é o fato do estado ter ganhado, na última semana, a autorização para implantação de seis novos cursos de medicina. “Outros jovens, como Deyse, poderão concretizar seus sonhos e se formarem médicos em instituições baianas”.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.