Marcelo Nilo foi cliente único da Babesp nas 20 pesquisas realizadas

deputado

Nilo é o atual presidente da Assembleia da Bahia | FOTO: Reprodução |

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Marcelo Nilo (PDT) não é o dono do Babesp – Bahia Pesquisa e Estatística Ltda. O Babesp pertence a Roberto Pereira Matos e Egina Matos Nascimento, de acordo com o registro da empresa na Junta Comercial do Estado da Bahia (Juceb). Segundo a coluna Satélite, do Correio*, Roberto recebeu da Assembleia nos anos de 2013 e 2014 R$ 10.880 para bancar os estudos de um filho, de acordo com dados do portal Transparência Bahia, do governo do estado. O pagamento mais recente, de R$ 1.920, aconteceu em 15 de julho.

Em contato telefônico na última sexta-feira, Nilo disse que não fala a respeito do Babesp com o CORREIO e afirmou que o instituto, que não é dele, é alvo de perseguição política, apesar da documentação que comprova os repasses da Assembleia Legislativa ao sócio da empresa. De 2012 para cá, o Babesp foi contratado para realizar 20 pesquisas eleitorais registradas. Marcelo Nilo foi cliente único em todas elas. Em dois anos, ele gastou, pelo menos, R$ 232 mil, sendo R$ 156 mil de 5 de agosto para cá, de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral. A mais recente pesquisa do instituto foi registrada na terça-feira. Texto extraído do Política Livre.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.