Chapada: Operação “Walking Dead” desarticula quadrilha que fraudava previdência em Jacobina

Postado em dez 18 2014 - 8:41pm por Jornal da Chapada
foto

O prejuízo sofrido pelo INSS com as fraudes apuradas supera os R$ 700 mil | FOTO: Reprodução/PF |

Um grupo criminoso que fraudava benefícios previdenciários na região do município de Jacobina, na Chapada Diamantina, foi desarticulado na manhã desta quinta-feira (18) durante a Operação Walking Dead, conduzida pela Polícia Federal em Juazeiro e pelo Ministério da Previdência Social. Ao longo das investigações verificou-se que foram concedidas diversas pensões por morte em que os instituidores dos benefícios, que supostamente estariam falecidos, na realidade se encontravam vivos. De acordo com estimativa fornecida pelo Ministério da Previdência, o prejuízo sofrido pelo INSS com as fraudes apuradas supera os R$ 700 mil.

A fraude se dava mediante apresentação de documentos falsos perante o INSS, a exemplo de certidões de óbito, certidões de casamento, folhas de pagamento, entre outros. Seis mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos nos municípios de Jacobina, Ourolândia e Umburanas, todos no interior da Bahia. Nove pessoas estão sendo interrogadas e serão indiciadas pela prática dos crimes de estelionato, falsidade ideológica e falsificação de documento público. O nome da operação (“Walking Dead”) faz alusão à expressão de língua inglesa que significa “morto vivo” e também a uma série de TV homônima, onde os mortos voltam à vida. Do site do jornal Correio.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.