CidadesCuriosidadesEsportesMenu Principal

Exame pós-luta confirma doping de Anderson Silva no UFC 183

silva
Comissão Atlética de Nevada divulgou que o segundo teste de urina deu positivo, enquanto o de sangue foi negativo | FOTO: Reprodução |

Após ser pego no exame realizado no dia 9 de janeiro, antes da luta contra Nick Diaz no UFC 183, Anderson Silva teve mais um doping confirmado nesta terça-feira. Em nota oficial, a Comissão Atlética de Nevada informou que o Spider também testou positivo no exame após o combate na coleta de urina para a presença de drostanolona, mesma substância encontrada no primeiro flagra. O exame de sangue, porém, não apontou a presença de substância proibidas. As informações são do Combate, canal de tv por assinatura especializado em lutas. Com o novo exame positivo, a situação de Anderson Silva no UlFC e no MMA se complica ainda mais.

Ele deve ficar suspenso provisoriamente até o julgamento, que ocorrerá no mês de março, mas ainda sem data definida. Se o teste realizado no dia 9 de janeiro era caracterizado como “fora de competição”, o que normalmente ameniza as punições dados nestes casos, o novo doping foi feito “em competição”, o que é mais grave. Spider deve pegar uma suspensão pesada, que pode variar de nove meses a até dois anos. Seu confronto com Nick Diaz deve ser anulado e virar um No Contest (Sem Resultado). Extraído do jornal O Dia.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas