Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Bahia: Mulher corta órgão genital do marido durante briga no município de Pojuca

foto
Em uma das confusões, Cleber arrancou o olho de Daniela | FOTO: Reprodução/Record Bahia/Capa de Roberto Vianna/Bocão News |

Uma briga de casal no município de Pojuca, região metropolitana de Salvador, quase termina em morte. Segundo informações da Centel (Central de Polícia), Cláudio Miranda dos Santos, 41 anos, teve o órgão genital cortado pela mulher, que não teve a identidade revelada. Ainda de acordo com a polícia, o fato aconteceu na madrugada de sexta-feira (3), durante uma discussão na residência do casal, no loteamento Chácara Rio Negro, localizado no bairro de Nova Pojuca. A vítima foi socorrida por uma ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para o HGE (Hospital Geral do Estado). Não há informações sobre seu estado de saúde.

A delegacia do município irá investigar as circunstâncias do crime. Outra confusão que acabou em tragédia foi a briga entre Cleber de Jesus Silveira, 32 anos, e Daniela, 23. Em uma das discussões, o homem já arrancou o olho da companheira e a deixou cega. Cléber foi detido pela Polícia Militar após mais uma briga. O casal foi parar na 1ª DT (Delegacia Territorial) dos Barris, na capital baiana.

A confusão começou após mais uma briga. Daniela resolveu sair de casa e, quando foi pegar as roupas e pertences pessoais, eles voltaram a discutir e a jovem puxou o facão para o marido. Para se defender, ele pegou uma pedra. Uma viatura estava passando e o homem foi preso. Uma amiga do casal revelou que, após as brigas, eles sempre acabam voltando. — Eu não dou dois meses para estarem juntos de novo. Esse amor já é antigo. Arrancou um (olho) e ela não se mandou, vai arrancar o outro agora. As informações são do Portal R7 Notícias.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios