CidadesCuriosidadesMenu Principal

Zoológico de Salvador volta a promover passeio noturno para a população

foto
De acordo com o coordenador do Zoo, Gerson Norberto, a ideia do passeio surgiu de uma demanda antiga dos visitantes | FOTO: Divulgação/Ascom do Inema |

Oferecer ao público uma oportunidade de um passeio inusitado com aromas, sons e ruídos peculiares aos animais com hábitos noturnos e crepusculares. É com este intuito que o Zoológico de Salvador volta disponibiliza, a partir da desta terça-feira (15), mais uma opção de lazer com o projeto Zoo Noturno. O projeto consiste em passeios noturnos com percurso de aproximadamente uma hora, monitorados pela equipe de educação ambiental do Zoo, em que grupos de no máximo 25 pessoas participarão de uma palestra sobre a fisiologia animal e a importância da preservação das espécies e em seguida poderão visualizar os hábitos de animais como o jupara, macaco da noite, serpentes, lontras, sariguês, zebras, camelos, iraras, mão peladas, lobos guará, jaguatiricas e gato do mato.

De acordo com o coordenador do Zoo, Gerson Norberto, a ideia do passeio surgiu de uma demanda antiga dos visitantes que sempre questionavam sobre o comportamento sonolento de algumas espécies. “As pessoas sempre perguntam o motivo da onça estar sempre deitada e o porquê da cobra não se mexer, essas são observações constantes dos nossos visitantes. Durante o dia esses animais de hábitos noturnos pouco aparecem ou ficam a maior parte do tempo dormindo, por isso montamos uma estrutura especial de iluminação e sinalização refletiva, além de contar com apoio de toda a equipe técnica e de vigilantes, para estender o horário de funcionamento duas vezes na semana”, destacou.

O Zoo Noturno funcionará as terças e quintas, sempre das 18h30 às 20h, através de agendamento por meio do fale conosco no site www.zoo.ba.gov.br, pelo email [email protected], ou telefones 3116-7953 / 3116-7954. Só será permitida a inscrição de crianças a partir de 10 anos de idade e menores de 18 anos somente através de visitas de escolas ou acompanhados de seus respectivos responsáveis. Com informações do Inema.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios