Bahia: Uneb se manifesta contra ‘transfobia’ durante primeira etapa de vestibular

Postado em mar 8 2016 - 3:45pm por Jornal da Chapada
foto67

A Reitoria da universidade informou que será aberto um processo de sindicância para investigação administrativa do caso | FOTO: Reprodução/Facebook |

Ariane Senna, de 24 anos, é transexual e acusou de ter sido vítima de ‘transfobia’ durante a primeira etapa do vestibular da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), realizada no último domingo (6), no Colégio Polivalente do Cabula, em Salvador. Segundo ela, houve problemas quando precisou ir ao banheiro (feminino obviamente) e durante a chamada, quando foi lido o nome de batismo que está em seu RG.

Após ter ciência do fato, a reitoria da Uneb se manifestou em nota oficial, afirmando que o funcionário que aplicava as provas foi afastado e que foi criada uma comissão para acompanhar o caso. Na manhã da última segunda-feira (7), integrantes dessa comissão registraram, pessoalmente, um pedido de desculpas à candidata.

A Reitoria informou que será aberto um processo de sindicância para investigação administrativa e que zela pelo respeito, inclusão e participação, contra preconceitos e discriminações de qualquer tipo. Com informações de Ascom/Uneb e A Tarde On Line.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.