Chapada: Comunidade de Itaetê se mobiliza para ajudar criança com câncer raro no fêmur

capa

O pequeno Weslley Gabriel Santos, de 9 anos, luta contra um tumor raro no fêmur e precisa de R$33 mil para realizar um novo procedimento cirúrgico | FOTO: Divulgação/Acervo Pessoal |

A comunidade do município de Itaetê, na Chapada Diamantina, está se mobilizando para salvar o pequeno Weslley Gabriel Santos, de 9 anos, que foi diagnosticado com um tumor raro no fêmur, o maior osso do corpo humano localizado na coxa. Segundo a tia do garoto, Arlei Oliveira, a doença foi descoberta no final do ano passado.

“Ele começou a sentir febre e fortes dores na perna. Depois de levá-lo ao médico, descobrimos o tumor ósseo raro no fêmur, que resultou no derrame no quadril e uma inflamação”. Em março desse ano, Weslley fez uma cirurgia na perna esquerda no Hospital Martagão Gesteira, em Salvador. Logo após o procedimento, o menino continuou com fortes dores e febres constantes.

Confira imagens da campanha

Este slideshow necessita de JavaScript.

Depois de uma nova avaliação médica, foi descoberto que o tumor teve uma velocidade ainda maior de crescimento. “Weslley agora precisa fazer um novo procedimento que custa R$ 33 mil e não é feito pelo SUS [Sistema Único de Saúde]. E a família não possui essa quantia”, explica a tia do menino. Para arrecadar o valor necessário, a família criou a campanha no Facebook ‘Todos pelo Weslley’ e mobilizou a comunidade de Itaetê com vendas de camisas e cartelas de bingo.

“Temos que ter um espírito de solidariedade, é uma criança que precisa muito. Todos sairemos vencedores”, diz o morador do município, Geovane Gonçalves. Até o momento, a família do garoto conseguiu R$ 13 mil. “Quero agradecer a todos que estão nos ajudando como podem. Ao pessoal de Itaetê, Andaraí e Cascavel. Somos muito gratos por tudo”, finaliza Arlei.

Número de conta para depósito:
Agência: 3138
OP: 013
Conta Poupança: 00059240-5
Caixa Econômica Federal
Weslley Gabriel Santos

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.