#Bahia: Tremores sentidos em Itororó no início de fevereiro chegaram a marcar na escala Richter

Postado em fev 23 2018 - 12:33pm por Jornal da Chapada
foto

O diretor do Centro de Sismologia, José Roberto, destacou que o evento, além de natural, foi “cotidiano” | FOTO: Reprodução/Itororó no Ar |

Os tremores de terra sentidos pelos moradores de Itororó, cidade localizada no médio sudoeste da Bahia, no início do mês chegaram a 1.4 na escala Richter, segundo Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP). O pequeno tremor aconteceu na região do Rio do Meio, a 14 quilômetros do município.

Sismógrafo registrou atividade em Rio do Meio | FOTO: Divulgação/BN |

O diretor do Centro de Sismologia, José Roberto, destacou que o evento, além de natural, foi “cotidiano”. “O tremor de terra é um fenômeno natural e acontece em escalas pequenas, como essa, todos os dias nas florestas”, disse. O pesquisador esclareceu que a diferença no caso do tremor ocorrido no Rio do Meio é que ele pode ser sentido em lugares habitáveis.

“Esses tremores são como um trovão vindo do meio da terra. As placas tectônicas estão se movimentando e entre as trincas e rachaduras do solo se acumulam tensões que são liberadas de forma gradativa, como deve ter ocorrido na localidade”, explanou José Roberto sobre a origem do fenômeno. Jornal da Chapada com informações do Bahia Notícias.

Leia também
Chapada: Moradores de comunidade em Baixa Grande seguem assustados com explosões

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.