Prefeito prepara ‘ato político’ contra Rui em Vitória da Conquista; governador cogita não ir à inauguração de aeroporto

Postado em jul 21 2019 - 9:10pm por Jornal da Chapada

A inauguração acontece nesta terça e Rui Costa quer evitar ‘hostilidade’ | FOTO: Divulgação/Mateus Pereira |

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), cogita não ir à inauguração do aeroporto de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, para evitar ser “hostilizado”. A informação foi publicada pelo site Bahia Notícias. Esse evento terá a presença do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e está marcado para esta terça (23). Conforme apurou o site, a cúpula do Palácio de Ondina teria apontado que o petista baiano vai esperar uma “sinalização” do governo Bolsonaro para tomar uma decisão sobre a presença ou não do governador. Essa decisão deve acontecer ainda nesta segunda (22). Vale lembrar que foi Rui Costa que convidou o presidente para a inauguração (leia aqui).

Governistas dizem que esperam um “evento republicano e administrativo” mas, segundo eles, o prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB), estaria preparando um “ato político” contra Rui. Segundo governistas, o emedebista mandou retirar outdoors da gestão petista sobre o novo aeroporto. Segundo o líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Rosemberg Pinto (PT), a primeira razão para Rui Costa não ir seria em protesto ao “preconceito do presidente contra os governadores do Nordeste”. O outro motivo, mais estratégico, é que a plateia do evento deverá ser muito mais pró-Bolsonaro do que a favor de Rui.

Assim, além de ser baixo o risco de protestos contra Bolsonaro por conta de suas declarações, já que a plateia será selecionada previamente, ainda há o perigo de o governador ser vaiado. “Nós queremos uma cerimônia para o povo. Além do mais, só poderão participar 300 convidados. O governador Rui Costa só terá direito a convidar 70 pessoas”, diz Rosemberg. “O prefeito de Vitória da Conquista terá direito a 50 convidados e o presidente outros 150 convidados, além de 30 jornalistas. Ou seja, serão 200 pessoas para vaiar o governador”, diz, defendendo que Rui realize outro ato de inauguração “após o evento organizado pela Presidência da República”. Jornal da Chapada com informações do Bahia Notícias e de do BR18.

Leia também

Bolsonaro diz que não há constrangimento em visitar a Bahia: “Nordeste é Brasil, é minha terra”

#Bahia: Rui Costa revela convite a Bolsonaro para inauguração de aeroporto em Vitória da Conquista

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.