AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal
Trending

Chapada: Funcionários dos Correios em Jacobina aderem à greve nacional por reajuste salarial e contra privatização

Os servidores contam que terão uma perda média de R$ 500 por mês, entorno de R$6 mil por ano

Os funcionários dos Correios no município de Jacobina, na Chapada Norte, paralisaram suas atividades por tempo indeterminado, a partir desta quarta-feira (11), após adesão à greve nacional da categoria. Eles lutam por reajuste salarial e contra a privatização da estatal, defendida pelo governo de Jair Bolsonaro (PSL).

Houve corte do ticket alimentação no período de férias, retirada de dependentes, e do plano de saúde | FOTO: Reprodução/Augusto Urgente |

Conforme informações do site Augusto Urgente, a administração das agências anunciou o corte do ticket alimentação no período de férias, retirada de dependentes, dos pais, do plano de saúde e oferecem apenas 0,8% de reajuste salarial.

A categoria quer que o reajuste seja feito pela inflação, pouco mais de 3,43%, e a continuidade dos direitos adquiridos. Os servidores contam que terão uma perda média de R$ 500 por mês, entorno de R$6 mil por ano. Com dados do site Augusto Urgente.

Leia também

#Brasil: Por causa da ameaça de privatização, trabalhadores dos Correios decretam greve nacional

Etiquetas
Mostrar mais

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Pular para a barra de ferramentas