CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

#Polêmica: Ministro da Educação diz que o ex-presidente Lula é admirador de Hitler

A afirmativa do auxiliar do presidente Bolsonaro foi exposta no Twitter ao compartilhar um vídeo do discurso de Lula.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, afirmou, na última segunda-feira (11), que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é um “admirador confesso de Hitler”. A afirmativa do auxiliar do presidente Jair Bolsonaro (PSL) foi exposta no Twitter ao compartilhar um vídeo do discurso de Lula do último sábado (9), durante um ato que aconteceu em frente à sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP). No trecho, Lula diz que não pode mais “ver mais jovens de 14 e 15 anos assaltando e sendo violentado e assassinado pela polícia, às vezes inocente ou à vezes porque roubou um celular”.

Ao comentar a fala, Abraham Weintraub dispara: “O mal é a essência desse admirador confesso de Hitler e praticante de bestialismo”. A prática de bestialismo é uma espécie de psicopatia com a prática sexual com animais. Já Adolf Hitler foi o ditador alemão líder do nazismo e figura central do holocausto na Segunda Guerra Mundial. Além disso, Weintraub defendeu os profissionais de segurança pública citados pelo petista.

“A Polícia não assassina ou violenta (estupra) jovens de 14 ou 15 anos! Vejam os números! Essa é mais uma MENTIRA do sicofanta criminoso”, cravou na publicação. Os 12 segundos do discurso de Lula divulgado pelo ministro da Educação faz parte de uma fala de mais de 40 minutos, o segundo discurso feito pelo ex-presidente depois de deixar a carceragem da Polícia Federal em Curitiba, onde esteve preso desde 7 de abril de 2018.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas