Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal
Trending

Bancada do PT na Câmara de Salvador diz que governador nunca interferiu em votação

Para Luiz Carlos Suíca, Marta Rodrigues e Moisés Rocha, “não há nem o que debater sobre a previdência municipal, já que o projeto nem foi apresentado ainda na Casa”.

Sobre boatos divulgados como notícias em alguns sites da capital, os vereadores da bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) na Câmara de Salvador disseram que o governador Rui Costa “nunca interferiu nas votações”. Nesta terça-feira (4), após responder questionamentos sobre ter recebido a bancada de edis para debater sobre a reforma da previdência de Salvador, o próprio chefe do Executivo descartou ter dialogado sobre isso a repórteres.

Para Luiz Carlos Suíca, Marta Rodrigues e Moisés Rocha, “não há nem o que debater, já que o projeto nem foi apresentado ainda na Casa”. “Não sei de onde isso saiu, até porque, o projeto nem foi apresentado. Não existe acordo algum, é boato. E no encontro com o governador, que por sinal foi muito bom, tratamos das questões de 2020, e de inúmeros entraves que precisamos superar tanto na capital quanto no interior para que possamos seguir com o projeto de sociedade na Bahia”, frisa Suíca.

Já Marta, aponta que o conteúdo do diálogo foi tomado por conjunturas políticas. “A reforma da previdência municipal não foi pauta e o governador nunca chamou a gente para tratar de votação. Ele é um republicano e tem seu perfil. Sabe que precisamos de mais avanços para incluir o povo pobre e negro desse estado como protagonista. E quando o projeto for apresentado pelo prefeito, vamos avaliar e decidir como a bancada vai votar”, declara.

Para Moisés, os debates durante o encontro do governador foram de fundamental importância para que a militância petista e as executivas do partido em Salvador e na Bahia possam seguir as diretrizes. “Teremos reuniões com a nova executiva municipal, estadual e até mesmo nacional para que possamos deliberar e decidir qual será o próximo passo para o pleito deste ano. É ideal que possamos deixar as coisas arrumadas para ampliar debates e ajudar a sigla a vencer o pleito contra o carlismo, e derrotar esse grupo nas urnas”, completa. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios