CidadesCuriosidadesEditorialMenu PrincipalTop
Trending

#Salvador: Nova reunião entre rodoviários e empresários do transporte público para negociação salarial termina sem acordo

A audiência aconteceu de maneira virtual e foi mediada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

Uma nova reunião de negociação salarial entre rodoviários e empresários do sistema de transporte público de Salvador, realizada na tarde desta sexta-feira (4), terminou sem acordo. A audiência aconteceu de maneira virtual e foi mediada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

As negociações começaram há três meses, segundo o sindicato da categoria. Os trabalhadores pedem a manutenção da data-base de negociação salarial e revisão da compensação das horas extras, entre outros.

Na audiência desta sexta, a presidente do TRT5-BA, desembargadora Dalila Andrade, ouviu as partes e reiterou a proposta apresentada no último encontro – de parcelamento do reajuste de 7,5%, correspondente ao INPC acumulado, em duas vezes, e a manutenção das conquistas anteriores.

Com relação à revisão da compensação das horas extras, o Tribunal propôs o pagamento de 50% das horas extraordinárias pelas empresas e compensação de 50% pelos trabalhadores.

Nesta sexta, o TRT concedeu o prazo de um dia útil, ou seja, até a próxima segunda-feira (7), para juntada das ações do suscitado, e o prazo de um dia, na terça-feira (8), para os suscitantes se manifestarem. O julgamento do caso foi marcado para a próxima sexta-feira (11), às 9h30, por meio de videoconferência.

Na segunda-feira (31), a reunião de negociação salarial entre rodoviários e empresários do sistema de transporte público da capital baiana havia sido adiada para esta sexta.

A Justiça autorizou os rodoviários a deflagrarem greve, mantendo 30% do efetivo trabalhando, conforme previsto em lei, caso a reunião desta sexta não tivesse acordo. Antes disso, a categoria já tinha ameaçado paralisar as atividades por, contudo, foi impedida judicialmente. A redação é do site G1 BA

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios