Chapada: Paulo Souto diz que governo Wagner abandonou obras da região

Postado em jun 7 2014 - 3:45pm por Jornal da Chapada
foto`1

A comitiva do ex-governador da Bahia foi recepcionada por lideranças políticas da oposição em Itaberaba | FOTO: Jornal da Chapada |

O primeiro “Encontro Político, Econômico e Social da Chapada Diamantina” com a chapa majoritária encabeçada pelo democrata Paulo Souto aconteceu neste sábado (7) e foi finalizado com um almoço no Espaço de Marieta, em Itaberaba. O evento foi às 10h, na Câmara de Vereadores, onde foi discutido a conjuntura política e seus reflexos na economia, na educação, na saúde e na segurança de Itaberaba e região. Organizado pelo grupo político do município liderado pelos Moscoso (Delsuc, Leonardo e Delsuquinho), apoiados pelos vereadores Ricardo Pimentel (Pros), Nilton Mandinga (PSDB) e Carlos Tanajura (PDT), o encontro reuniu o governador Paulo Souto, pré-candidato ao governo, o seu vice na chapa Joaci Góes (PSDB), o pré-candidato ao Senado, Geddel Vieira Lima (PMDB), e o atual prefeito de Feira de Santana José Ronaldo (DEM).

“O atual governo petista não pensou no povo da Chapada, quando abandonou o programa de barragens e recursos hídricos para a região do semiárido, desenvolvido por nossa gestão”, disse o pré-candidato da oposição, Paulo Souto, diante do fato de que até hoje nada foi feito para o aproveitamento das águas da Barragem de Bandeira de Melo, no abastecimento humano e atividades produtivas. Souto ainda lembrou outras obras de seu governo. “No mesmo Rio Paraguaçu, fizemos a Barragem do Apertado e conseguimos, ainda em nosso governo, estimular a criação de um polo de agricultura irrigada, que hoje emprega mais de cinco mil pessoas em Mucugê e Ibicoara”.

foto2

Populares e lideranças políticas de diferentes municípios da Chapada participaram do primeiro encontro da oposição na região | FOTO: Jornal da Chapada |

Para o pré-candidato da oposição a governador, a região da Chapada, pela sua diversidade, tem grande potencial e reage bem aos estímulos econômicos. “É uma zona de nosso estado que precisa de apoio governamental para se desenvolver. A fruticultura do abacaxi é um exemplo. Infelizmente, nestes oito anos, o governo petista só fez de verdade piorar os serviços essenciais dos quais os baianos tanto precisam. O resto é propaganda”, pontua Souto.

O democrata foi veemente quando recomendou que o governo petista pedisse desculpa por colocar a Bahia entre os locais mais violentos do mundo. “São mais de 34 mil baianos assassinados desde 2007 e eles querem nos convencer que fazem uma gestão eficiente da segurança pública, dizendo que compraram viaturas. A Bahia quer trabalho de verdade”, completa.

Marcando presença
Estiveram ainda no encontro com a chapa majoritária da oposição os deputados estaduais Leur Lomanto Junior (PMDB) e Pedro Tavares (PMDB), além dos pré-candidatos a deputados federais Zé Raimundo Oliveira (PMDB) e Silvio Cego. O evento foi prestigiado por diversas comitivas de municípios da Chapada Diamantina como Boa Vista do Tupim, Iaçu, Itaetê, Cruz das Almas, Utinga e outros.

Destaques para as comitivas de Ibiquera (formada pelo ex-prefeito Edmundo Oliveira, pelos advogados Walter Ubiraney dos Santos e Ivan Cláudio, além dos vereadores Reginaldo, Zé Raimundo e Josafá); de Bonito (formada pelo segundo colocado na eleição municipal Joaquim Martins de Souza Primo Junior, o popular Jai Primo, o ex-presidente da Câmara Adão Primo, o vereador Manoel Messias Rosário Carregoza (PMDB) e outras lideranças do município. Outra comitiva de destaque foi a do presidente da Câmara de Seabra, Iovane de Oliveira Guanaes Filho (PSB).

Confira galeria de fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Jornal da Chapada com informações da Assessoria de Comunicação

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

3 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.