Empreiteira apontada por delator já doou R$ 3 milhões para campanha de Rui

rui costa

A segunda doação, diretamente à campanha de Rui, foi na terça-feira passada, dia 2 de setembro, no valor de 1,5 milhão | FOTO: Reprodução |

A construtora baiana UTC Engenharia, apontada como uma das maiores doadoras às campanhas eleitorais deste ano no país, já repassou para a campanha de Rui Costa, candidato ao governo da Bahia pelo PT, quase R$ 3 milhões. Conforme valores obtidos na segunda parcial de prestação de contas divulgado pelo postulante petista junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a empreiteira fez duas doações. A primeira, no valor de R$ 1,42 milhão, foi depositada no dia último dia 5 de agosto, via diretório estadual do PT. A segunda doação, diretamente à campanha de Rui, foi na terça-feira passada, dia 2 de setembro, no valor de 1,5 milhão.

Além de Rui Costa, a UTC doou R$ 5 milhões à campanha da presidente Dilma Rousseff (PT) e R$ 1 milhão à campanha do presidenciável tucano Aécio Neves (PSDB). Em 2012, presidente Dilma lançou projeto executado pela UTC e outras construtoras orçado em R$ 2,6 bilhões. Apesar de já ter negado qualquer envolvimento com irregularidades nas doações feitas e “repudia qualquer insinuação envolvendo seu nome”, a construtora é investigada pela Polícia Federal (PF) justamente por doar dinheiro a políticos por meio de esquemas considerados fraudulentos. A empresa também foi apontada pela PF, conforme reportagem da revista Veja, como sócia do doleiro Alberto Youssef no Web Hotel, empreendimento localizado na Rua das Alfazemas, no Caminho das Árvores, em Salvador.

Quem também apontou a UTC em um suposto esquema de lavagem de dinheiro e evasão de divisas foi o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa, segundo reportagem do jornal O Estado de S. Paulo. O ex-executivo da estatal teria afirmado em depoimento à PF que 3% do valor dos contratos da UTC com a petrolífera brasileira eram destinados como propina no esquema que prendeu o doleiro Alberto Yousseff, acusado de desviar R$ 10 bilhões dos cofres públicos. Governador Wagner autoriza construção da Ponte Ilhéus-Pontal ao lado de João Argolo, sócio da UTC Engenharia

Na Bahia, a construtora é responsável junto com a Odebrecht, OAS e Kawasaki pela construção do Estaleiro Enseada do Paraguaçu, em Maragojipe, no Recôncavo baiano. O projeto está orçado em R$ 2,6 bilhões. A empreiteira é responsável ainda pela construção da Ponte Ilhéus – Pontal, obra do governo do Estado, que tem previsão de custo de R$ 200 milhões. A UTC opera também o “Consórcio Aeroportos Bahia”, em parceria com a Sinart Organização. Entre as obras está a reforma e ampliação do aeroporto João Durval Carneiro, em Feira de Santana, ao custo previsto de R$ 3,5 milhões, recursos também oriundos dos cofres públicos estaduais. Em 2010, conforme prestação de contas junto ao TSE, a UTC doou para campanha de reeleição do governador Jaques Wagner (PT) R$ 2,4 milhões. Extraído do Bocão News.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.