Atleta baiano conquista medalha de ouro em torneio de boxe disputado na Rússia

Postado em set 17 2014 - 11:21am por Jornal da Chapada
boxe

Robenilson é mais um baiano a se destacar em competições internacionais | FOTO: Divulgação/Setre |

O baiano Robenilson de Jesus, apoiado pelo Governo do Estado por meio do Bolsa Esporte – Categoria Internacional A, conquistou, no último domingo (14), a medalha de ouro da categoria até 56kg em um torneio de boxe disputado na Rússia. A exemplo de Allan do Carmo, líder da Copa do Mundo de Maratonas Aquáticas e que tem o apoio do Governo do Estado, Robenilson é mais um baiano a se destacar em competições internacionais, tendo sido o único atleta não-europeu a conquistar medalha de ouro. O atleta é esperança de medalha para o Brasil nos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, em 2016. Além de Robenilson, mais três baianos fazem parte da seleção brasileira de boxe: Adriana Araújo, Robson Conceição e Everton Lopes, todos eles apoiados pelo Governo do Estado por meio do Bolsa Esporte.

De acordo com o presidente da Federação de Boxe do Estado da Bahia, Joílson Santana, a competição é preparatória para os jogos Olímpicos 2016. “Até os Jogos Olímpicos, nossos atletas vão participar de uma série de competições internacionais”, avisa. Bolsa Esporte – Concedida a atletas e paratletas residentes no Estado, o Bolsa Esporte é uma iniciativa do Governo da Bahia, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) e a Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb). Em 2014, o programa atende a 181 atletas e paratletas baianos. Além disso, estão em vigência, 36 Bolsas Esportes que foram selecionadas no ano passado (2013).

O coordenador de Esporte da Setre, Marcos Pimentel, destaca que no Programa Bolsa Esporte “o atleta precisa ter ranking nacional ou internacional, ou ser um talento esportivo, indicado pela federação que representa, para dispor do benefício”. Pela Lei 11.363/2009, que instituiu o Bolsa Esporte, o beneficio máximo concedido é de até R$ 2 mil por mês e o mínimo de R$380,00. A concessão do benefício é pelo prazo de um ano renovável por igual período e será pago mensalmente. Para fazer jus ao Bolsa Esporte, os atletas e paratletas apresentaram um plano anual de participação em competições e de treinamento; não tendo sofrido qualquer penalidade imposta por tribunais de justiça desportiva, federações ou confederações nos últimos dois anos.

Categorias do Bolsa Esporte:
Categoria Internacional A
R$ 2.000,00/mês
Categoria Internacional B
R$ 1.500,00/mês
Categoria Internacional C

R$ 1.000,00/mês
Categoria Nacional A
R$ 800,00/mês
Categoria Nacional B
R$ 600,00/mês
Talento Esportivo
R$ 380,00/mês

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.