CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Servidores penitenciários da Bahia param as atividades nesta quarta-feira

agentes
A greve foi oficialmente comunicada pelo Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado da Bahia, sem previsão de término | FOTO: Reprodução/ jornal Correio |

Após assembleia, os agentes penitenciários do Estado da Bahia optaram por paralisar as atividades nesta quarta-feira (27). A greve foi oficialmente comunicada pelo Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado da Bahia (Sinspeb), sem previsão de término. Entre a pauta de reivindicações da categoria, estão a efetivação do concurso público, a celeridade na criação da lei orgânica, a aposentadoria especial, porte de armas, escolta e custódia, rediscussão da gratificação por condições especiais de trabalho (CET).

Além disso, os agentes pedem também auxílio alimentação, convênio de cooperação técnica entre Seap e Uneb, capacitação continuada, horas excedentes, verba própria e suficiente para cada unidade prisional, adicional de insalubridade, auxílio fardamento, pagamento de horas extras, aparelhamento das unidades, GEOP: legalização e aparelhamento do Grupo Especial de Operações Prisionais (GEOP), reforma em toda estrutura das unidades prisionais, criação de uma central de operações do sistema prisional. Sem fala no fim do controle dos traficantes nas unidades, reajuste salarial, revisão no valor do auxílio transporte, fim da contratação via Regime Especial de Direito Administrativo-REDA, fim da militarização, progressão na carreira.

Com a greve dos agentes, atividades dos custodiados como banho de sol, fornecimento de alimentação, medicamentos de uso contínuo aos custodiados, atendimento médico emergencial, cumprimento de alvará de soltura e ocupação dos postos de serviços serão mantidas. As informações são do Bocão News.

Etiquetas
Mostrar mais

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Pular para a barra de ferramentas