CidadesCulturaCuriosidadesMenu Principal

Romarias aquecem turismo religioso no oeste da Bahia

rita
Romaria em Bom Jesus da Lapa | FOTO: Rita Barreto/Setur |

Dotada de belezas naturais como pinturas rupestres, cachoeiras e cavernas, a zona turística Caminhos do Oeste oferece aos visitantes variadas opções de atrativos, tanto para quem busca aventura quanto sossego e turismo religioso. Neste mês de julho, turistas e devotos participam de duas das mais tradicionais manifestações religiosas da região.

Nesta quinta-feira (2), data em que se comemora a Independência da Bahia, no povoado de Cantinho, na zona rural de Barreiras, acontece a Festa do Cantinho do Senhor dos Aflitos. A expectativa é que a romaria atraia oito mil pessoas, entre elas devotos de regiões circunvizinhas, além de Brasília e Goiânia. Missas, batizados e procissão fazem parte da programação.

A festa é marcada por uma caminhada de 18 quilômetros, com saída à meia-noite de quinta, da Igreja de São João Batista, no centro de Barreiras. Cerca de três mil devotos rumam em direção ao povoado. Durante a caminhada, outras pessoas juntam-se ao grupo, e, numa demonstração de fé e devoção, seguem entoando cânticos, fazendo orações e leituras. A chegada à capela onde está a imagem do santo ocorre por volta das 4h, quando os peregrinos ajoelham-se diante do Senhor dos Aflitos, pagam promessas, rezam em agradecimento e renovam os pedidos de graças.

Bom Jesus da Lapa
Conhecida como a ‘Capital Baiana da Fé’, Bom Jesus da Lapa, um dos principais destinos do turismo religioso do País, realiza a romaria da Terra e das Águas de sexta (3) a domingo (5). Com o tema ‘Defender as Águas, um direito sagrado’, o evento, que reúne cerca de sete mil romeiros, propõe debates e reflexões sobre a temática da água, com missas e Via Sacra, entre outras celebrações.

Na sexta (3), a programação tem início às 8h, com uma recepção permanente durante todo o dia, na Casa dos Padres. Os romeiros concentram-se às 18h30, na Esplanada, para participar da Missa de Abertura, às 19h. No sábado (4), as atividades começam às 5h, com o Ofício de Nossa Senhora, na Esplanada. Debates e reflexões serão realizados às 8h em diversos locais da cidade.

Às 14h, acontece a Celebração da Misericórdia na Gruta da Soledade. O destaque do dia é a Via Sacra, que tem saída da Esplanada com caminhada em direção ao Rio São Francisco, a partir das 16h. No domingo, a programação reserva aos devotos a Missa da Ressurreição, às 5h30, na Esplanada. Os romeiros participam também do Plenário, às 8h, na Gruta da Soledade.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas