Itaberaba: Servidores do Ministério Público protestam contra cerceamento de direitos

Postado em ago 18 2015 - 1:03pm por Jornal da Chapada
foto

Os servidores também convocam a categoria para as manifestações na região da Chapada Diamantina | FOTO: Divulgação/Sindsemp |

Através de um comunicado à imprensa, o Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado da Bahia (Sindsemp-BA), por meio de sua Diretoria Executiva, informa que a categoria vai iniciar manifestações em decorrência da desvalorização dos servidores públicos do MP-BA, por meio do cerceamento de direitos. As manifestações acontecem nos dias 18, 21 e 25 de agosto e consistirão em paralisações temporárias no decorrer do horário de expediente, bem como na ocupação do 3º andar da sede do Ministério Público baiano, situada no Centro Administrativo da Bahia (CAB), a fim de retomar as negociações com o Procurador Geral de Justiça, acerca dos interesses do servidores do MP-BA.

Os servidores do município de Itaberaba, na Chapada Diamantina, aderiram à paralisação durante os dias apontados. Nos cinco pontos de reivindicações, o sindicato solicita a reposição inflacionária dos anos de 2013 a 2015; a restruturação do Plano de Cargos e Salários; o pagamento do auxílio alimentação retido nos períodos de licença maternidade e outras licenças; garantia de promoção nas carreiras a todos os servidores que atinjam os requisitos; e pagamento de função gratificada para o servidor que acumule o trabalho de Promotorias de Justiça diversas de sua lotação. Os servidores também convocam a categoria para as manifestações conforme publicação do site do sindicato.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.