Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Chapada: Esposa de Jaques Wagner deve ser convidada por prefeito de Andaraí para ser candidata

foto
Em 2012, nas últimas eleições municipais, Fátima chegou a cogitar a candidatura à prefeita de Salvador | FOTO: Reprodução |

A transferência do domicílio eleitoral do atual ministro chefe da Casa Civil e ex-governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), e da ex-primeira-dama Fátima Mendonça para o município de Andaraí, na Chapada Diamantina, ainda rende muitas especulações. A troca poderia estar relacionada a uma possível candidatura da ex-primeira-dama à prefeita de Andaraí, município onde o casal adquiriu uma propriedade rural com cerca de três tarefas (15 mil metros quadros). Completando oito anos à frente da prefeitura de Andaraí, Wilson Paes Cardoso (PSB) está em busca de um sucessor e sonha com a possibilidade de Fátima Mendonça vir a ocupar esta função.

Leia também:
Chapada: Wagner transfere título para Andaraí e esposa pode concorrer à prefeitura em 2016

“Qual é o prefeito que não sonha em ter uma figura dinâmica e competente como Fátima? O perfil que busco é de uma pessoa independente financeiramente, que consiga unir as pessoas. Até me animei e vou fazer o convite. Seria uma grande força para lutar por uma universidade, desejo de todos os chapadeiros”, disse Wilson à Tribuna da Bahia. Ele aproveitou para vender seu peixe afirmando que, caso Fátima Mendonça assuma a gestão municipal, encontrará um município organizado, sem dívidas, com 13º salário do funcionalismo já reservado para ser pago na data correta. “Formei uma equipe jovem e competente e se Fátima desejar estará à sua disposição”.

O ex-governador Wagner já recebeu o título de cidadão andaraiense. “O casal nunca escondeu a paixão pela Chapada e pelo chapadeiro. Desde que a notícia estourou, o povo de Andaraí não parou de me ligar para saber das novidades. O chapadeiro tem um carinho muita grande pelo casal”, disse Wilson Cardoso.

Fátima na política
Nas últimas eleições municipais, em 2012, Fátima Mendonça cogitou se candidatar à prefeita de Salvador, mas não decolou. Na época, alguns defendiam a impossibilidade de Fátima registrar sua candidatura por ser a esposa do governador do estado. Fátima era filiada ao PV, mas se desfilou do partido em janeiro de 2013.

Os verdes baianos apoiaram o então candidato e atual prefeito ACM Neto (DEM), uma das principais lideranças oposicionistas ao governo do seu marido na época. Caso decida disputar a prefeitura de Andaraí e vença, Fátima Mendonça irá administrar uma cidade de quase 25 mil habitantes e arrecadação anual de R$ 40 milhões. As informações são da Tribuna da Bahia.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios