Fogo na Chapada: Presidente da Cifa relata incêndio em Igatu e volta a pedir atuação das autoridades

Postado em nov 26 2015 - 11:04pm por Jornal da Chapada
foto6

As chamas seguem destruído áreas dentro e fora do Parque Nacional da Chapada Diamantina | FOTO: Meramente Ilustrativa/Maurício Bianco |

Em contato com o Jornal da Chapada, nesta quinta-feira (26), o presidente dos Combatentes de Incêndios Florestais de Andaraí (Cifa), Homero Vieira, relatou a presença de um grande foco na região da Igatu e voltou a criticar a falta de organização e planejamento para o combate aos incêndios na Chapada Diamantina. “Não tem como ficar no fogo por mais de 20 dias, temos fogo aqui queimando na Chapada há 17 dias, 20 dias, quase um mês, então isso é incompetência ou falta de responsabilidade com o meio ambiente”, dispara.

Homero informa que o foco surgiu nesta quinta em Igatu, localidade do município de Andaraí. “Mandamos a equipe da Cifa no final da tarde para lá, para fazer o primeiro combate. Em Igatu estamos sozinhos. Ontem [quarta-feira, 25] deu uma chuva grossa, mas foi bem rápida, não fez muito efeito, aqui está muito quente. O que precisaríamos é de um apoio de uma aeronave, precisamos também de luvas”, comenta brigadista, que atua na região há mais de 30 anos.

O presidente da Cifa também atualiza como está a situação de outros focos da região, “em Lençóis, o fogo não está controlado e ressurgiu em Mucugê, na região da Cachoeira de Três Barras e dos Cristais, cresceu bastante, está fora do controle”.

foto5

Homero Vieira é presidente da Cifa e atua na Chapada Diamantina há mais de 30 anos | FOTO: Reprodução |

Desorganização
Homero Vieira voltou a criticar a desorganização dos governos estadual e federal para coordenar os diferentes grupos que estão combatendo o incêndio na Chapada Diamantina. “Uma aeronave chega, vai embora e não dá satisfação, joga água onde não precisa jogar, porque não entra em contato com quem está em combate, e o pessoal que está no campo fica sem apoio. Os combates são uma verdadeira bagunça, um pra um lado, outro pro outro, não existe uma organização, um planejamento”, desabafa.

Ele questiona os serviços de levantamento da situação dos fogos realizados por pessoas que não têm competência. “O cara sobe no helicóptero com um estranho na região que não conhece nada, para está sobrevoando para ver o fogo. Para fazer o levantamento do fogo tem que ser com alguém que conheça a região ou que entenda de fogo. Secretário de Estado fazer levantamento de fogo, não tem condições, se cada um fizer seu papel, a coisa funciona”, dispara o presidente da Cifa.

Vieira ainda lembra que existem outras brigadas voluntárias que se colocaram à disposição, mas que não foram acionadas e põe em xeque a estratégia utilizada por algumas instituições. “Temos brigadas desde Ruy Barbosa à Rio de Contas, só que a gente é voluntário, precisaria de um carro para pegar os brigadistas da região. Se o pessoal entrasse em contato com a gente, nós traríamos mais brigadistas para a Chapada só que ninguém articula isso. Muito pelo contrário, a gente liga e pergunta se está precisando de ajuda, e dizem que está tudo sob controle”.

Ele também se preocupa com o futuro. “Se confirmar que o El Niño vai ser o pior do século, ano que vem, vamos precisar de muita oração, porque se depender dos governos estadual e federal vai queimar tudo aqui”.

Jornal da Chapada

Confira imagens dos combates aos incêndios na Chapada Diamantina:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leia também:
Altas temperaturas e raios tornam o combate aos incêndios na Chapada mais complexos, diz ICMBio
Mesmo com incêndios, visitação ao Parque Nacional da Chapada Diamantina não está interrompida
Fogo na Chapada: Chuva volta a cair na região e trabalho de rescaldo deve ser intenso no Vale do Capão
Fotos: Fogo na Chapada Diamantina deixa rastro de destruição; brigadistas seguem combatendo
Vídeo: Novo incêndio na região do Vale do Capão avança e já ameaça nascente do Riachinho

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.