Bahia: Feriadão de Natal com poucas chuvas e temperaturas elevadas em todo o Estado

Postado em dez 23 2015 - 11:45am por Jornal da Chapada
foto5

Clima volta a esquentar em diferentes regiões da Bahia | FOTO: Divulgação |

As condições do tempo previstas para o feriadão de Natal (24 a 27/12), que também coincide com o primeiro final de semana do verão, deverão ter algumas mudanças, principalmente, em relação às chuvas. Pois, a partir do dia 25 (sexta-feira) a massa de ar quente e seco começa a perder força, aumentando, assim, a nebulosidade e as chances de ocorrer chuvas na maior parte da Bahia. É importante destacar que, essas chuvas deverão ser de fraca intensidade e de curta duração, o que não deve amenizar os efeitos causados pela longa estiagem que vem castigando todo o território baiano. No entanto, em algumas localidades das regiões Oeste e São Francisco, não se descarta a possibilidade de ocorrer eventos de chuvas mais intensos, sobretudo, no final da tarde e durante a noite.

foto5

Mapa de previsão de tempo por regiões | FOTO: Inema |

Quanto às temperaturas, estas serão típicas da estação do verão, ou seja, elevadas em todo o Estado. Mesmo com o aumento da nebulosidade, as maiores temperaturas nesse período (com máximas de até 39°C) continuam sendo esperadas para as regiões Norte, Nordeste, São Francisco e Oeste, o que aumenta as chances de ocorrência das chuvas. Para a cidade de Salvador e região metropolitana, assim como para o litoral sul do Estado, o predomínio continua sendo de céu parcialmente nublado a claro.

Mesmo assim, a umidade vinda do Oceano Atlântico, somada as temperaturas elevadas, aumenta as chances de ocorrer chuvas, principalmente, durante a noite e nas primeiras horas da manhã. Ressalta-se que, por serem de fraca intensidade e de curta duração, essas chuvas não deverão comprometer as festividades natalinas dessas regiões.

Maré
Para o período entre os dias 24/12 (quinta-feira) e 27/12/2015 (domingo), a maré deverá atingir sua altura máxima entre às 02h00min e às 05h00min e entre às 14h00min e às 17h00min, com valores variando de 2,0 a 2,9 metros. Já as alturas mínimas deverão ser registradas no período entre às 08h00min e às 11h00min e entre às 20h00min e às 24h00min, com valores variando de 0,1 a 0,4 metro. As ondas previstas para esse período deverão ter agitação fraca, com altura máxima em torno de 1,5 metro.

foto66

Previsão de IUV e temperaturas por cidades | FOTO: Divulgação/Inema |

Índice de Radiação Ultravioleta (IUV’s)
Uma das características da estação do verão é a elevação na incidência da radiação solar e, consequentemente, dos Índices de Radiação Ultravioleta (IUV’s). No entanto, por ser um período em que há um aumento na nebulosidade, esta radiação poderá ser filtrada, principalmente, nos dias e nas regiões onde houver maior concentração de nuvens, a exemplo do período entre os dias 24/12 (quinta-feira) e 27/12 (domingo), quando os IUV’s deverão variar de 11 a 13.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), estes Índices estão classificados na categoria “Extrema”, o que requer cuidados quanto à exposição prolongados a radiação solar, principalmente, nos horários das 10 às 16 horas quando os efeitos danosos a saúde são maiores. Assim, recomenda-se o uso de protetor/filtro solar, chapéus, bonés, óculos escuros e roupas leves, o que poderá contribuir para minimizar tais danos. As informações são do Inema.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.