Chapada: Governo deve ampliar perfurações de poços e construir barragem em Seabra

Postado em dez 24 2015 - 1:20pm por Jornal da Chapada
foto5

Está previsto também a recuperação da barragem de Boa Vista do Tupim, onde serão investidos R$830 mil | FOTO: Reprodução |

A Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb) informou suas metas para o ano de 2016 em reunião na sede da empresa e diz que pretende perfurar 550 poços no estado, 230 a mais do que os perfurados este ano. O evento contou com a presença dos colaboradores da Cerb, do diretor geral da Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS), Luís Fernando Dantas, representando o titular da pasta, Cássio Peixoto; do superintendente da SIHS, Celso Pinheiro Magalhães e representantes dos núcleos regionais.

Conforme as informações da Cerb serão 300 feitos diretamente por ela e outros 250 por empreiteiras. No segmento de saneamento, a empresa afirma que irá construir 650 sistemas de abastecimento de água e concluir mais 12 projetos de sistemas e a implantação do modelo de gestão de sistema de abastecimento de água através das centrais.

Barragem em Seabra
O diretor de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Godofredo Correa Lima, que também esteve presente no evento destacou algumas ações como a construção da Barragem de Baraúnas que começa em 2016. A barragem deverá ampliar a oferta de água bruta na sede municipal de Seabra, na Chapada Diamantina, atendendo ainda os povoados de Velame, Ingazeira e Santana no entorno da barragem. Ele anunciou também a recuperação da Barragem de Boa Vista do Tupim, também na Chapada, onde serão investidos R$830 mil.

Ainda no segmento de barragens, a empresa pretende implantar fusegates nas barragens de Ponto Novo e Pedras Altas. Essa tecnologia francesa permite guardar a água por um período maior. Essa estrutura aumenta o volume de água, com um investimento muito pequeno em relação ao custo de construir um novo empreendimento.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.