Produção da agricultura familiar da Bahia ganha reforço com Programa de Cisternas

Postado em jan 21 2016 - 4:33pm por Jornal da Chapada
foto5

A intenção é que o convênio já tenha sido totalmente executado até dezembro deste ano | FOTO: Alberto Coutinho/GOVBA |

Com a chegada da chuva, que começa molhar as terras baianas, a produção agrícola do estado ganha reforço com a meta de construção de 6.933 cisternas calçadão e 4.828 barreiros trincheiras, que vão atender a 11.761 famílias, de 161 municípios do semiárido baiano, com tecnologias sociais de captação e armazenamento de água da chuva para produção de dessedentação animal. A iniciativa é do Governo da Bahia, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), em parceria com o do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), no âmbito do Programa Estadual Água para Todos, através o convênio 027/2013.

De acordo com o superintendente da CAR, Jeandro Ribeiro, a previsão é que, até dezembro de 2016, o convênio já tenha sido totalmente executado. “Já entregamos, cerca de, três mil aguadas e, até o fim do ano, vamos executar as demais”. Segundo a coordenadora de produção do Água para Todos, Kamilla Santos, a cisterna calçadão é uma tecnologia de captação de água da chuva com a capacidade de armazenar 52 mil litros de água. “Ela possui um calçadão de 200 m² onde a água da chuva cai e escorre para a cisterna”.

Já o barreiro trincheira é utilizado mais para dessedentação de animais de pequeno e médio porte. “Ele é estreito e profundo, média de 3 a 4 metros para evitar a evapotranspiração. O barreiro acumula, em média, 500 m³ de água. No período chuvoso, o semiárido se renova e as pessoas que ali habitam veem a possibilidade de produzir seu próprio alimento garantindo, assim, a segurança alimentar”.

Articulação
Com o objetivo de definir metas físicas para o ano de 2016, além de discutir a execução financeira e orçamentária e a resolução de pendências associadas aos parceiros e fazer um alinhamento desse convênio, foi realizado, nesta quarta-feira (20), um encontro com gestores do Programa Cisternas, na sede da Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional do MDS, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

Durante o encontro, que contou com representantes da SDR, da CAR, de presidentes de Consórcios Públicos e de Organizações da Sociedade Civil, o superintendente da CAR apresentou o convênio 027/2013. Entre as ações propostas no convênio estão a mobilização das famílias, capacitações, intercâmbio de experiências e construção de tecnologias.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.