Grupo Superação e Instituto de Saúde Coletiva debatem saúde mental

Postado em mar 8 2016 - 8:07am por Jornal da Chapada
foto67

Grupo da Setre e Instituto da UFBA traçam estratégias visando inclusão social pelo trabalho de usuários dos serviços de saúde mental | FOTO: Reprodução/Setre |

A equipe de Saúde Mental do Instituto de Saúde Coletiva (ISC) da Universidade Federal da Bahia (Ufba) visitou nesta segunda-feira 7, o secretário estadual do Trabalho e Esporte, Álvaro Gomes, para relatar as últimas ações desenvolvidas pelo grupo e solicitar mais apoio da Setre. Professora Mônica Nunes – que coordena a equipe – lembrou a importância das atividades desenvolvidas pelo Instituto da UFBa com os pacientes assistidos, visando a inserção dos mesmos no mercado de trabalho.

“Sem a parceria da Setre vai ficar quase impossível esta inserção”, justifica. Mônica Nunes diz ainda: “Observamos que muitas vezes, até pacientes que apresentam uma resposta positiva no tratamento, é difícil a sua inserção no mercado de trabalho. Mas continuamos nossa luta para vencer as dificuldades que se apresentam”.

Gastronomia
Outra informação importante é que os pacientes que, antes, desenvolviam atividades nas áreas de Teatro e Designer Criativo, agora passam a contar com uma equipe trabalhando na área de Gastronomia. “Este novo caminho vai possibilitar uma renda para os pacientes envolvidos e facilitará a sua inserção no mercado de trabalho”, comemora a professora.

Secretário Álvaro Gomes lembrou que sempre se preocupou com a inclusão da população vulnerável no mercado de trabalho e, ano passado, criou na Setre o “Grupo Superação”, formado por técnicos que trabalham para atender preferencialmente às pessoas em desvantagem social.

“Precisamos mostrar à sociedade que é possível mudar este quadro. Temos que consolidar ações, atendendo também outros setores vulneráveis, como os egressos das penitenciárias; mulheres vítimas de violência doméstica; moradores de rua; e também o público LGBT”, finaliza.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.