Pular para a barra de ferramentas
AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal

Chapada: PF inicia desdobramento da Operação Águia de Haia em Ruy Barbosa e mais dois municípios

montagem
O prefeito de Ruy Barbosa, José Bonifácio Dourado, foi um dos gestores que teve os bens bloqueados pela justiça | FOTO: Montagem do JC |

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta quinta-feira (2) a Operação Orobó, com o cumprimento de oito mandados de busca e apreensão nos municípios de Ruy Barbosa, na Chapada Diamantina, Salvador e Feira de Santana. O nome da operação, Orobó, é uma referência à serra aos pés da qual está localizado o município de Ruy Barbosa. Essa ação é um desdobramento da Operação Águia de Haia, realizada em julho de 2015. Inclusive o prefeito do município de Ruy Barbosa, José Bonifácio Dourado (PT), foi um dos gestores baianos que tiveram os bens bloqueados por determinação do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) no ano passado.

Agentes da PF fizeram buscas na casa do prefeito petista, que está foragido, e nas dependências da Prefeitura. O grupo do qual Bonifácio é acusado de integrar desviava recursos públicos federais do Fundo de Manutenção da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação (Fundeb).

Leia também:
Águia de Haia: Prefeito de Paramirim é denunciado por fraude em licitação
Águia de Haia: Prefeito de Ruy Barbosa entre os gestores com bens bloqueados pela justiça

Nessa oportunidade, foi desbaratado um esquema criminoso de desvio de recursos públicos que causou um prejuízo de mais de R$ 6,6 milhões aos cofres do município de Ruy Barbosa. Agora o objeto da investigação é justamente lavagem daquele dinheiro desviado, crime autônomo previsto na Lei 9.613/98. Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região, e têm por objetivo, então, localizar e apreender provas da ocultação dos valores desviados, que, suspeita-se, terem sido utilizados para a aquisição imóveis, veículos e outros bens.

Também estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão em escritórios de dois advogados suspeitos de participação na organização criminosa, os quais, extrapolando os limites de sua atuação profissional, teriam agido em conluio para atrapalhar o andamento das investigações. Cerca de 30 policiais federais participam da ação.

Jornal da Chapada

Leia também:
Chapada: Confirmada prisão do filho do prefeito de Ruy Barbosa durante operação da PF
Chapada: Prefeito do município de Ruy Barbosa é indiciado por crimes em licitações

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios