#Vídeo: Pai de zagueiro morto em acidente detona Temer: ‘Ele que tenha vergonha na cara e venha aqui’

Postado em dez 2 2016 - 4:01pm por Jornal da Chapada
pai

Osmar Machado revela ainda que recebeu a notícia do falecimento do filho no dia do seu aniversário de 66 anos | FOTO: Reprodução/Brasil 247 |

O pai do zagueiro da Chapecoense Filipe Machado, Osmar criticou nesta sexta-feira (2), em entrevista a uma equipe do SporTV, a informação de que deveria ir ao aeroporto recepcionar o presidente Michel Temer (PMDB), e mostrou profunda indignação. “Falaram que eu vou ter que sair daqui e ir até o aeroporto dar um abraço no Temer. Acho isso uma falta de respeito com as famílias. Se ele quiser, que venha aqui. Isso é tão desrespeitoso que eu até acho que é mentira [a vinda do Temer]”. Osmar Machado aguarda a chegada do corpo do filho, para velório coletivo na Arena Condá.

Filipe Machado é um dos atletas que morreu no acidente de avião que vitimou outras 70 pessoas. A aeronave levava a Chapecoense para Medellín, local que receberia a primeira partida da final da Copa Sul-Americana. O pai de Machado revela ainda que recebeu a notícia do falecimento do filho no dia do seu aniversário de 66 anos. Disse que recebeu ligações de amigos na madrugada de segunda para terça-feira, ainda sem saber do acidente, mas preferiu não atender, pensando que receberia a primeira felicitação de Filipe.

Leia também
#Tragédia: Plano de voo não foi respeitado por piloto, diz fonte de companhia aérea
#Mundo: Homenagens a vítimas de acidente comovem atletas e população de Chapecó
#Tragédia: Morte de jogador baiano que atuava na Chapecoense deixa família consternada

O pai de Filipe também afirmou que, após a cerimônia em Santa Catarina, a família irá realizar outro velório na Arena do Grêmio, no Rio Grande do Sul. Embora Machado tenha defendido a camisa do Internacional por 10 anos, foi o Grêmio quem ofereceu o espaço e entrou em contato com a família. “Não quero reclamar. Ou julgar. O Filipe tinha muitos amigos nos dois clubes. Mas quem nos contatou foi o Grêmio. Talvez por que o Inter tenha outras preocupações agora”, falou. Filipe Machado também teve uma breve experiência no Grêmio, dos 9 aos 11 anos.

Em luto, Osmar também chamou o piloto da companhia aérea LaMia de “imbecil” e “ganancioso”. “Pena que o piloto não está vivo pra ver tudo isso aqui, tudo o que ele fez com a gente”, disparou. Segundo as investigações preliminares das autoridades colombianas, a queda do avião, que deixou 71 mortos e seis feridos, deveu-se à falta de combustível. Jornal da Chapada com informações de Agências.

Veja o vídeo da entrevista

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.