#Cultura: Tom Zé se revolta com proposta da Secult para tocar no carnaval de Salvador

Postado em dez 17 2016 - 7:36pm por Jornal da Chapada
tom

Pelas contas de Tom Zé, ele teria uma despesa de pelo menos R$ 73,3 mil acarretando um prejuízo de R$ 8,38 mil | FOTO: Reprodução |

Tom Zé usou sua página nas redes sociais para expressar revolta ante a proposta da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult), para que ele faça um show no “Carnaval da Tropicália”, que será o tema da folia no Pelourinho, em homenagem aos 60 anos do movimento.

“ESCÂNDALO DA BAHIA”, assim começa ele sua postagem-denúncia. “A Secretaria de Cultura – Salvador [ele diz Salvador, mas a proposta é do governo, não da prefeitura], me ofereceu R$ 65.000 para um show no Carnaval do Tropicalismo, com as despesas pagas por mim. Agora vejam os cálculos, com os preços mais baixos: – hotel, que no Carnaval só aceita reserva por 5 dias, diária para 5 dias, R$ 56.280,00. São 8 pessoas: sexteto musical, eu e produtor(a). (…)”.

Enfim, pelas contas de Tom Zé, ele teria uma despesa de pelo menos R$ 73,3 mil acarretando um prejuízo de R$ 8,38 mil. Ao que, conclui: “Ou seja, na Bahia eu tenho tanto prestígio que, para cantar tenho de ganhar R$ 60.000,00 e pagar R$ 73.380,00”. E arremata: “Isso, sem contar táxis, etc.”.

E isso sem contar que no carnaval do ano passado, Ivete Sangalo recebeu R$500 mil do governo baiano para cantar em um trio sem cordas. Enquanto Bell Marques recebeu R$ 340 mil. Em nota, a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia disse que os motivos para a não-contratação foram “insuficiência documental e exigências legais”. Com informações do Bahia.ba.

Veja a nota completa de Tom Zé:
ESCÂNDALO DA BAHIA:
A Secretaria de Cultura – Salvador, me ofereceu 65.000,00 para um show no Carnaval do Tropicalismo, com as despesas pagas por mim.
Agora vejam os cálculos, com os preços mais baixos:
– hotel, que no Carnaval só aceita reserva por 5 dias,
diária para 5 dias, R$ 56.280,00. São 8 pessoas: sexteto musical, eu e produtor(a).
– passagens aéreas, ida e volta, 8 pessoas, R$ 13.900,00.
– alimentação: em média (baixa), 2 refeições/dia, digamos, R$ 80,00 (R$ 40,00 cada) x 8 = R$ 640,00. 5 dias, R$ 3.200,00.
Então, R$ 56.280,00
R$ 13.900,00
R$ 3.200,00
TOTAL R$ 73.380,00
Ou seja, na Bahia eu tenho tanto prestígio que, para cantar tenho de ganhar R$ 60.000,00 e pagar R$ 73.380,00.
Isso, sem contar táxis, etc.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.