#Salvador: Confira a programação da JAM no MAM para os meses de abril e maio

Postado em mar 31 2017 - 1:06pm por Jornal da Chapada
sexteto

O grupo Sexteto 1 de Cada mostrará sua pesquisa a partir de referências musicais brasileiras misturadas a características do jazz | FOTO: Divulgação/Secult |

O Sexteto “1 de Cada”, grupo instrumental baiano formado por cinco sopros e bateria, e que desenvolve um repertório com arranjos exclusivos, todos baseados em melodias e harmonias criadas para sua formação inusitada, é quem fará a abertura da JAM no MAM no próximo sábado (1º), às 18h. O grupo mostrará sua pesquisa a partir de referências musicais brasileiras misturadas a características do jazz, antes da banda Geleia Solar assumir o palco e abrir espaço para que músicos toquem e troquem conjuntamente, inspirados pelas improvisações de todos. Contando com o trompete e o trombone do próprio Sexteto 1 de Cada, a Geleia Solar seguirá até o fim de mais uma JAM no MAM, que em 2017 são apresentadas pelo Ministério da Cultura e Instituto CCR, com patrocínio da CCR Metrô Bahia.

Criado em 2014 com o objetivo inicial de praticar e estudar a música instrumental, o sexteto “1 de Cada” se firmou apenas em 2015, quando os músicos Fernando Rocha (Tuba) e Fernando Miranda (Trompete e Flugelhorn) decidiram apresentar ao público o projeto idealizado por eles. O grupo conta ainda com Rafael Mesquita na bateria, André Becker no sax-alto, Maxwell Fragoso no sax-tenor e Pedro Degaut no trombone. Com essa formação, o grupo traz na bagagem experiências musicais em outras áreas, que agregam elementos, principalmente, da música brasileira, como bossa-nova, samba, choro, MPB, além de ritmos nordestinos como baião e xote. O jazz também entra na forma de improviso.

As referências musicais vão desde João Donato, Moacir Santos, Vitor Assis Brasil e Márcio Montarroyos, até Gilberto Gil, Luiz Gonzaga, Orquestra Rumpilezz e a brasilidade em geral. Com todas essas influências, o sexteto acaba dialogando, com muita intimidade, com a proposta da própria JAM no MAM, que semanalmente leva os músicos a exercitarem a arte da improvisação jazzística a partir de uma sonoridade que bebe na fonte da pluralidade de ritmos da cultura popular local. A JAM no MAM é um projeto da Huol Criações e acontece aos sábados na área externa do Museu de Arte Moderna da Bahia, ao ar livre e de frente para o mar, com ingresso a preço popular (R$ 8,00, a inteira). As informações são da SecultBA.

Serviço
Data: Aos sábados. Programação abril e maio da JAM no MAM:
Dia 01/04 – Vai ter JAM!
Dia 08/04 – Vai ter JAM!
Dia 15/04 – Vai ter JAM!
Dia 22/04 – Vai ter JAM!
Dia 29/04 – Vai ter JAM!
Dia 06/05 – Vai ter JAM!
Dia 13/05 – Vai ter JAM!
Dia 20/05 – Vai ter JAM!
Dia 27/05 – Vai ter JAM!

Local: Museu de Arte Moderna da Bahia (Av. Contorno, s/n, Solar do Unhão)
Horário: Das 18h às 21h.
Ingresso: R$ 8,00 (inteira) e R$ 4,00 (meia)
Realização: Huol Criações

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.