#Bahia: Lixão em Itabuna ameaça qualidade de vida dos moradores e expõe empresa caloteira, diz Suíca

Postado em ago 3 2017 - 12:53pm por Jornal da Chapada
foto

Lixão de Itabuna é denunciado pelo Sindilimp | FOTO: Divulgação |

A situação de calamidade que afeta o lixão do município de Itabuna, no sul da Bahia, afeta o meio ambiente e, consequentemente, a saúde dos moradores da região. Essa denúncia foi feita pelo Sindilimp, que representa os trabalhadores terceirizados e de limpeza urbana da Bahia. De acordo com o conselheiro jurídico do sindicato, o vereador de Salvador Luiz Carlos Suíca (PT), a situação é vergonhosa “e expõe a atuação de mais uma empresa caloteira”, que carrega inúmeros problemas com pagamento de direitos trabalhistas, atraso de salários e precariedade das condições de serviço.

suica

O vereador de Salvador, Luiz Carlos Suíca | FOTO: Divulgação |

“A verdade é que Itabuna não tem mais um local para jogar o lixo. O Ministério Público e os órgãos ambientais desse estado devem se atentar para esse caso, é um absurdo que o município chegue a essa situação catastrófica para o meio ambiente e saúde da população e dos trabalhadores que ali atuam. Esse lixão é administrado pela empresa Biosanear, que tem contrato com o município na coleta, varrição e aterro sanitário, além de 10 caminhões compactadores”, salienta Suíca.

Na denúncia recebida e averiguada pelo Sindilimp, não é mais possível jogar lixo em Itabuna. “Os motoristas de compactadores passam perigo, e correm o risco do veículo tombar na estrada com o tanto de lixo que carregam. Nós recebemos a denúncia dos trabalhadores e fizemos o levantamento. No palete de cima, onde tem mais de cinco mil metros quadrados, já está lotado de lixo. Os caminhões estão deixando resíduos na estrada por conta da irresponsabilidade do prefeito [Fernando Gomes, do PSD]”, salienta a direção do Sindilimp na região sul da Bahia.

Vídeo de denúncia do lixão em Itabuna
https://www.youtube.com/watch? v=pP_3ipVzidI

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.