#Polêmica: MPF diz em petição que o ex-ministro Geddel é um “criminoso em série”

Postado em set 8 2017 - 2:49pm por Jornal da Chapada
geddel

Em nota, a defesa de Geddel disse que somente se manifestará quando tiver acesso aos autos | FOTO: Reprodução/EBC |

Em representação policial do Ministério Público Federal (MPF) – pedindo a prisão preventiva do ex-ministro Geddel Vieira Lima, após a Polícia Federal (PF) achar malas e caixas com R$51 milhões em apartamento usado pelo peemedebista, o procurador classificou o ex-ministro Geddel Vieira Lima como um “criminoso em série”. Ele alegou que o político cometeu “diversos outros esquemas criminosos semelhantes”. O juiz que decretou o pedido de prisão seguiu na mesma linha, e disse que o político baiano agiu na prática de crimes “de forma sorrateira” e “em estado de permanência”.

O titular da 10ª Vara Federal em Brasília lembrou no mandado de prisão que, em diferentes depoimentos dados, inclusive por ocasião da primeira prisão preventiva, em julho, Geddel não fez qualquer menção aos R$ 51 milhões apreendidos posteriormente em um ‘bunker’ num edifício em Salvador. Ele foi preso em Salvador pouco depois das 6h desta sexta-feira (8) e levado à Brasília. Em nota, a defesa de Geddel disse que somente se manifestará quando tiver acesso aos autos. Além de Geddel, o superintendente de Defesa Civil do prefeito ACM Neto (DEM), Gustavo Ferraz (PMDB), também foi preso. Com informações do Bocão News.

foto

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.