CidadesCuriosidadesMenu PrincipalSaúde

Final de semana prolongado deverá ser de tempo quente e poucas chuvas em grande parte da Bahia

frio
As temperaturas devem ficar elevadas em regiões como na Chapada Diamantina, com máximas de 30°C, e 36°C no São Francisco | FOTO: Divulgação |

As condições do tempo previstas para os próximos dias na Bahia, que inclui as comemorações do Natal e o primeiro final de semana do verão, não são esperadas mudanças significativas, principalmente em relação às chuvas, pois a massa de ar quente seco continua influenciando. Com isso, mantêm-se a previsão de redução da nebulosidade e as chuvas na maior parte do Estado.

Mesmo assim, o tempo quente e a umidade vinda da Amazônia poderão contribuir a ocorrência de chuvas fracas em algumas áreas, a exemplo do Oeste baiano, onde são esperadas temperaturas máximas de até 36°C. Nas regiões do Recôncavo, Nordeste, Sudoeste e Sul, onde também há possibilidade de ocorrer chuvas fracas, além das temperaturas elevadas (com máximas de até 336°C°), quem deve influenciar com mais intensidade é a umidade vinda do Oceano Atlântico.

Por outro lado, nas regiões da Chapada Diamantina, São Francisco, Norte e Nordeste, onde essa massa de ar continua atuando com mais intensidade, o predomínio é de céu parcialmente nublado a claro e com poucas chances de chuvas. Ressalta-se também que, além de deixar o tempo seco, a permanência desse sistema também está mantendo as temperaturas elevadas nessas regiões, onde as máximas deverão oscilar entre 30°C (na Chapada Diamantina) e 36°C (no São Francisco).

Para a cidade de Salvador e região metropolitana, as condições do tempo previstas para esse período é de céu parcialmente nublado, com possibilidade de chuvas fracas e temperaturas elevadas (com valores variando entre mínimas de 22°C e máximas de 33°C). As informações são do Inema.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios