AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Chapada: Homem é preso suspeito de estuprar jovem de 18 anos em boate em Jacobina

foto
Homem identificado como Marcus Machado foi preso suspeito de estupro; ele diz que relação foi consensual | FOTO: Reprodução/TV Bahia |

Um homem de 34 anos foi preso suspeito de estupro contra uma jovem de 18 anos dentro de uma boate no município de Jacobina, na Chapada Norte. Conforme informações do G1, o caso aconteceu na madrugada do último domingo (31). O suspeito, identificado como Marcus Machado, negou à polícia que tenha cometido o crime e afirma que a relação sexual foi consensual. Em entrevista ao G1, Karen Dantas, uma amiga da vítima, contou que ambas estavam na casa de shows com um grupo de amigos. Em determinado momento da madrugada, a jovem teria ido ao banheiro e demorado para voltar.

“Achei estranho e fui procurar. Sentei um pouco para ver se ela vinha ao meu encontro. Tem uma área de lanches. Eu sentei lá. Aí, eu ouvi de longe a voz dela falando ‘para’. Quando vi, ela estava em um beco, na porta da saída de emergência, ele em cima dela. Ela estava ensanguentada”. Karen conta que não tinha amizade, mas já conhecia o suposto agressor, que é um morador da cidade de Jacobina. Antes da situação, ela diz que o rapaz teria cumprimentado, inclusive, um dos integrantes do grupo de amigos da jovem que denunciou o estupro.

Karen explica ainda como teria ocorrido a abordagem do suspeito à amiga, antes da suposta agressão. “Ela [vítima] disse que saiu do banheiro e começou a nos procurar. Ela encontrou com ele [suspeito] e perguntou: Você viu? Ele disse que sim, pegou mão dela e levou para um beco escuro, na saída de emergência”, detalha. Ao encontrar a amiga com o suposto agressor, Karen afirma que pediu socorro. “Comecei a gritar e ele saiu rindo”. A amiga diz ainda que a jovem foi levada para o hospital com muito sangramento.

O G1 entrou em contato com o coordenador da Polícia Civil de Jacobina (16ª Coorpin), Eduardo Brito, que confirmou a prisão do suspeito em flagrante diante da comprovação da relação sexual e da denúncia de estupro. O delegado ressaltou, entretanto, que Marcus Machado negou o crime e disse, em depoimento, que o ato sexual foi consentido.

Brito informou ainda que ele irá passar por audiência de custódia, na terça-feira (2), quando a Justiça deve decidir se irá responder à acusação em liberdade. O site G1 não conseguiu os contatos da defesa do suspeito. A reportagem também tenta localizar os responsáveis pela boate para um posicionamento sobre a segurança dentro do estabelecimento. As informações são do G1.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios