CidadesCuriosidadesEditorialMenu Principal

#FSM2018: Lula diz que no judiciário não tem ninguém mais honesto que ele

lula2
Lula sugeriu que os juristas deveriam fazer um ‘cursinho’ de política para entender como funciona o processo político | FOTO: Divulgação/Facebook |

A participação do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva no Fórum Social Mundial 2018, em Salvador, esta semana, foi contundente. Lula, que também participou da Assembleia Mundial das Democracias, em Pituaçu, chegou a afirmar durante sua fala que não tem ninguém no Poder Judiciário que seja mais honesto do que ele. “A única coisa que reivindico é que seja julgado o mérito, que eles leiam o processo. E se apresentarem uma vírgula de crime eu tenho que ser condenado. Agora, se eu não cometi crime, a bem desse país, esses meninos que pensam que são os donos da verdade, deveriam ser exonerados do serviço público”, afirmou o ex-presidente. “Não há no Poder Judiciário ninguém mais honesto do que eu”, frisa.

Lula sugeriu que os juristas deveriam fazer um ‘cursinho’ de política para entender como funciona o processo. “Eu sou vítima de uma mentira do jornal O Globo. Essa mentira do Globo se tornou em um inquérito mentiroso da Polícia Federal. Esse inquérito mentiroso da PF virou uma acusação mentirosa do Ministério Público. A acusação mentirosa do Ministério Público virou um julgamento mentiroso do Moro, e o julgamento mentiroso do Moro terminou numa outra mentira que foi o comportamento do TS4 em Porto Alegre, dizendo isso eu estou afrontando a Justiça”, afirma.

jonas1
Parlamentares fizeram um minuto de silêncio em homenagem à vereadora Marielle Franco | FOTO: Jonas Santos |

“Toda noite fico pensando: O que fiz de errado no Brasil? O que a Dilma fez de errado? O que Cristina Kirchner, Rafael (Correa, do Equador), todo mundo fez de errado? Foi garantir que o pobre fosse menos pobre, que tivesse acesso à universidade, garantir que ele pudesse ter emprego com carteira profissional assinada, garantir que o salário mínimo aumentasse por 12 anos, como foi durante nosso governo”, alfinetou Lula. Para ele, lutar por classes trabalhadoras, antes esquecidas, como a das empregadas domésticas, ou produtores rurais, é o motivo para o que chama de perseguição contra ele.

O político sugeriu que a classe política reaja ao que está acontecendo no país. “E eu estou insurgindo. Quando um procurador vai à televisão e diz que gostaria de autorização para invadir cada gabinete de deputado eu acho que a Câmara de Deputados deveria se insurgir e chamar esse menino para explicar o que estava dizendo. O que está insinuando”, afirmou Lula.

O ex-presidente disse ser preciso ter orgulho do que se faz e ter honra. “Se não andarmos de cabeça erguida, qualquer um destrói a classe política brasileira”. Reiterando ter um caráter reto, ele falou sobre a mãe. “Tudo o que aprendi na minha vida foi a partir de uma senhora que nasceu e morreu analfabeta. E eu aprendi com ela que caráter a gente não compra em shopping, não tem em padaria, nem em supermercado. É uma coisa de educação, de berço. Eu tenho caráter, tenho honra”, disse. “Não quero nenhum favor. Fui o presidente que mais indicou ministro da Suprema Corte. Nunca liguei para nenhum pedindo favor e vou morrer sem pedir”, finalizou.

Jornal da Chapada

Vídeo da participação de Lula em ato de defesa da democracia em Pituaçu

Vídeo completo da passagem de Lula pela Alba

Etiquetas
Mostrar mais

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Pular para a barra de ferramentas