#Bahia: Dobradinha PP e DEM vence eleição suplementar no município de Jeremoabo

Postado em jun 4 2018 - 9:00am por Jornal da Chapada

A posse para cumprimento de mandato até dezembro de 2020 deve ocorrer em 3 de julho | FOTO: Montagem do JC/TRE-BA |

Derisvaldo José dos Santos (Deri do Paloma, PP) e Luiz Carlos Bartilotti Lima (Lula de Dalvinho, DEM) foram eleitos, respectivamente, prefeito e vice-prefeito de Jeremoabo, no norte da Bahia. Em eleição suplementar, realizada no último domingo (3) na cidade, cerca de 20 mil eleitores retornaram às urnas. A diplomação dos eleitos está prevista para o próximo dia 18 de junho. Já a posse, para cumprimento de mandato até dezembro de 2020, deve ocorrer em 3 de julho.

O candidato eleito, Deri do Paloma (PP), contou com 11.441 (55,23%) dos votos válidos. O candidato Antônio Chaves (PSD) obteve 9.275 (44,77%) dos votos. As eleições na cidade ocorreram de maneira tranquila, sendo registrada apenas uma substituição de urna. Ao todo, 110 equipamentos foram preparados para o pleito, sendo 16 desses de contingência. O juiz da 51ª Zona Eleitoral, Paulo Eduardo de Menezes Moreira, enalteceu a logística e segurança na eleição suplementar.

“A movimentação foi dentro do esperado. Sabíamos que o clima seria mais tenso do que 2016 porque os grupos políticos que disputaram já têm um histórico de muita rivalidade, porém não tivemos muitos problemas”, afirmou. Para garantia da ordem na cidade, algumas medidas foram tomadas, a exemplo da publicação da Portaria 006/2018 – que proibiu o consumo, venda e distribuição de bebida alcoólica – e a montagem de uma logística de apoio em conjunto com o Ministério Público e o Comando da Polícia Militar.

“Essa preparação foi crucial para a manutenção da paz e da ordem neste pleito suplementar”, completou. O juiz eleitoral agradeceu ainda ao apoio de servidores do TRE baiano. Satisfeito com sucesso da eleição, doutor Paulo Eduardo agradeceu pelo apoio. “Quero agradecer aos servidores e colaboradores da Justiça Eleitoral e também do presidente do TRE-BA, desembargador Rotondano”, disse.

Números
Dos mais de 26 mil eleitores de Jeremoabo, 21.461 (80,96%) compareceram as eleições suplementares deste domingo (3/6) e 5.048 (19,04%) se abstiveram. Do total de votos registrados, 542 (2,53%) foram votos nulos e outros 203 (0,95%) votos em branco. Pela primeira vez, uma eleição suplementar foi realizada em Jeremoabo. Em 2016, a candidata mais votada, Anabel de Tista (PSD), não teve os votos computados pela Justiça Eleitoral em razão do indeferimento de seu registro de candidatura. Com informações do TRE.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.