CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Chapada: Primeiro Fórum Comunitário do Selo Unicef movimenta o município de Nova Redenção

A partir dos resultados dos grupos de trabalhos, o Comitê Intersetorial elaborará diagnóstico do município que vai pautar o Plano de Ações 2017/2020 e que norteará Nova Redenção neste processo de construção | FOTO: Divulgação/Ascom |

Nova Redenção, na Chapada Diamantina, é um dos municípios do semiárido brasileiro que participa do Selo Unicef, edição 2017/2020. Consciente de que, quem faz o Selo Unicef acontecer são as pessoas, o Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), em parceria com a administração ‘Governo da Reconstrução’, da prefeita Guilma Soares (PT), realizou na última quinta-feira (16), o primeiro Fórum Comunitário com o tema ‘Eu e meu município crescemos junto’. O fórum foi realizado no Centro Cultural Consuêdes Benevides e contou com a participação de mais de 130 pessoas.

“Nosso evento foi um verdadeiro sucesso, por contar com a participação de representantes dos mais diversos segmentos da sociedade civil, governamental e religiosa, envolvendo crianças adolescentes, jovens, adultos e idosos oriundos dos diversos setores e localidades do município. De maneira exitosa, sendo esta mais uma das ações que vêm motivando e fortalecendo a comunidade redençoense neste processo de município aprovado no Selo Unicef”, declara a prefeita Guilma Soares – que esteve no evento com o esposo e líder político, Ivan Soares.

A abertura do fórum foi feita por músicos da Lira Filarmônica da Terra, que ao toque harmonioso do violino introduziram os hinos Nacional e Municipal, em um profundo clima de respeito e comprometimento coletivo pela causa e defesa da vida. A prefeita Guilma Soares com secretários municipais, representante do Comitê Gestor e representante do Núcleo de Cidadania dos Adolescentes (Nuca) fizeram parte da mesa de abertura dos trabalhos. Ao se pronunciar, todos estenderam saudações e falaram do desafio de adesão ao Selo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Comitê Gestor com o Comitê Intersetorial do Selo Unicef no município, e a participação maciça dos integrantes do Nuca e do CMDCA, conduziram o fórum de forma dinâmica, lúdica, e habilidosa, envolvendo a todos os 11 grupos de trabalhos que discutiram temáticas diferentes, de acordo com os indicadores de impacto social. A partir dos resultados dos grupos de trabalhos, o Comitê Intersetorial pode elaborar o diagnóstico do município que vai pautar o Plano de Ações 2017/2020 e que norteará o município neste processo de construção.

“Um dos pontos importantes e, por estas razões, relevantes, foi o processo de compreensão do Fórum Comunitário ser um espaço de encontro, disseminação de informações e diálogo sobre políticas públicas no município, onde a comunidade pode participar da análise da situação das crianças e adolescentes, sugerindo ações e comprometendo-se no monitoramento e avaliação dos impactos das políticas sociais voltadas a este público”, avalia Guilma Soares.

Durante o evento, houve apresentações artísticas com diferentes grupos e que deram ao evento um toque especial de leveza, em um show de criatividade e riqueza de talentos que são tão presentes na cidade chapadeira. Jornal da Chapada com informações de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas