#Bahia: Homem morre após atirar contra policiais durante perseguição em Milagres; comparsa consegue fugir

Postado em maio 25 2019 - 5:52pm por Jornal da Chapada

Todo o material apreendido durante a ação foi apresentado na delegacia de polícia da cidade | FOTO: Divulgação |

Um homem foi morto pela polícia e outro conseguiu fugir da ação dos policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe-Chapada), após iniciarem uma troca de tiros com os policiais, na cidade de Milagres, no centro-sul da Bahia. Os dois foram denunciados por populares, na manhã da última sexta-feira (24), por estarem ostentando armas de fogo, realizando disparos para o alto e intimidando moradores da Rua Santa Luzia, no Alto da Bela Vista.

Os indivíduos, identificados como sendo Silvany, possuidor de extensa ficha criminal e que dias antes foi o autor de assalto seguido de estupro na cidade de Brejões, e Daniel de Tereza, foram cercados por policiais da Cipe-Chapada em conjunto com prepostos da Polícia Civil e da 3ª Cia do 11° Batalhão da Polícia Militar (BPM). Ao visualizarem a presença policial, ambos tentaram fugir por uma área de morro, realizando disparos contra as guarnições.

Os policiais dispararam contra os agressores e, ao cessarem os disparos, foi constatado que um dos homens conseguiu adentrar mata e o outro foi achado caído ao solo ainda com arma em punho. Esse foi identificado como Silvany. Já desarmado e como apresentava os sinais vitais, foi socorrido imediata ao hospital local, onde infelizmente foi constatado o óbito.

Silvany utilizava um revólver calibre 22, com quatro munições deflagradas e duas intactas, nas imediações do embate ainda foi encontrado uma espingarda de fabricação artesanal de antecarga com dois canos, todo material foi apresentado na delegacia de polícia da cidade conforme a ocorrência registrada. Jornal da Chapada com informações da Cipe-Chapada.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.