CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolíciaTop
Trending

#Chapada: Maior produtor de maconha da região centro-norte é preso no final de semana durante ação em Jacobina

Segundo a SSP-BA, o homem atuava também como comandante de facção em Xique-Xique, Irecê, Jacobina, e nos bairros de 'Cosme de Farias' e 'Nordeste de Amaralina', em Salvador.

Foragido da polícia há três anos foi preso, no último sábado (7), no município de Jacobina, na Chapada Norte, por policiais da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Irecê, na Chapada Velha. A Polícia Civil descobriu, por meio de ações de inteligência, que o homem estava escondido em Jacobina. Segundo informações do G1, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que os policiais conseguiram prender o maior produtor de maconha do Centro-Norte da Bahia, depois de montar uma campana na feira livre da cidade chapadeira.

Os investigadores, com apoio do Serviço de Investigação da 14ª Coorpin, usavam disfarces na feira livre da cidade, quando prenderam o suspeito. Investigadores, disfarçados de consumidores, efetuaram a prisão do homem, que seria um dos fundadores de facções em Xique-Xique, Irecê, Jacobina, e nos bairros ‘Cosme de Farias’ e ‘Nordeste de Amaralina’, em Salvador.

O titular da DTE de Irecê, delegado Alex Nunes Rocha, relata a disposição dos policiais para efetuar a prisão do homem. “Estávamos com todas as equipes empenhadas na captura desse alvo prioritário da polícia baiana. Continuaremos com as ações de inteligência para prender outros integrantes desta facção, que atua aqui na região”, comenta.

O homem, que não teve sua identidade revelada, foi apresentado à DTE de Irecê para cumprimento do mandato expedido pela Comarca de Salvador. Ele foi encaminhado para o Complexo Penitenciário da Mata Escura, que fica na capital baiana. Jornal da Chapada com informações do G1 e do A Tarde.

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios