CidadesCulturaCuriosidadesMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Artistas da região chapadeira foram homenageados durante Festival de Lençóis 2021; veja aqui

Desde a primeira edição do Festival de Lençóis, em 1999, o Grãos de Luz e Griô ocupa o palco principal do evento com uma apresentação envolvendo dança, cultura, arte, política e muita música.

A Banda Grãos de Luz e Griô, grupo cultural formado por artistas de Lençóis, foi destaque da programação da edição 2021 do tradicional Festival de Lençóis, que este ano ocorreu de forma on-line, em função da pandemia do novo coronavírus. A banda participa desde a primeira edição do evento e foi homenageada com uma retrospectiva que destacou as apresentações mais marcantes do grupo ao longo de mais de 20 anos de atuação, neste que é o principal evento musical da Chapada Diamantina. Desde a primeira edição do Festival de Lençóis, em 1999, o Grãos de Luz e Griô ocupa o palco principal do evento com uma apresentação envolvendo dança, cultura, arte, política e muita música.

Na primeira edição do Festival de Lençóis, a primeira aula espetáculo foi dedicada ao mito da Mãe D´água, que chamou a atenção de um dos maiores astros do rock mundial, o guitarrista da banda Led Zeppelin, Jimmy Page. “Jimmy Page, que estava na plateia e era um dos parceiros financiadores do Grãos, naquele momento, assistiu Mãe Água no Teatro de Arena e ficou impressionado com a qualidade artística na atuação das crianças e no roteiro do espetáculo”, relembra a educadora responsável pelos roteiros das apresentações, Lillian Pacheco.

De lá pra cá, muitos outros temas foram abordados, com base na Pedagogia Griô, como: racismo, machismo, empoderamento feminino, democracia e golpe, além do meio ambiente. Sempre tendo a Chapada Diamantina, sua cultura e personagens como protagonistas como foi o caso das apresentações que contavam a história de Mãe Rosa, onde a história de Rosa denuncia a luta das famílias garimpeiras na Chapada Diamantina e de Dom Obá, o príncipe negro nascido em Lençóis, neto do último imperador que manteve unido o império Yorubá Nagô de Oyó, na África.

“Ter a Banda Griô em todas as edições do Festival de Lençóis foi uma grande honra. Além da responsabilidade social e cultural, o Grãos representa um compromisso com a diversidade de grupos da cultura local. A Banda Família Grãos de Luz e Griô sempre se preparou muito para essas apresentações e sempre foi uma atração muito esperada, inclusive trazendo novidades e outras atrações musicais de renome nacional”, afirma Paula Rezende, organizadora do evento.

Outra banda presente na programação do Festival de Lençóis é a Banda Zion, com mais de 20 anos de história, sempre trazendo o reggae roots encerrando o festival. Na edição especial online, a produtora Pau Viola manteve a tradição e a Banda Zion foi convidada para encerrar a programação do dia 30 de abril. Além das bandas locais, o Festival de Lençóis também fez uma homenagem ao grupo tradicional da Marujada, sediado na cidade de Lençóis. O Festival de Lençóis foi realizado nos dias 29 e 30 de abril, pelo canal do YouTube da PauViola. As informações são de assessoria.

Etiquetas

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios