CidadesCuriosidadesMenu PrincipalMundoTop
Trending

#Brasil: Otto afirma que Bolsonaro, Pazuello e Terra são “criminosos” por tese de imunidade de rebanho contra covid

O pessedista classificou o presidente da República como “um homem de falsas crenças que não tem nenhum preparo para governar o Brasil”.

O senador Otto Alencar (PSD-BA), que é integrante da CPI da Covid-19 no Senado, chamou o deputado federal Osmar Terra (MDB-RS), o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello e presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de “criminosos” por terem apostado na tese da imunidade de rebanho para o combate à pandemia da covid-19. A declaração do parlamentar foi realizada na tarde desta quarta-feira (2), durante entrevista ao programa Brasil Urgente, da TV Band Bahia.

O pessedista classificou o presidente da República como “um homem de falsas crenças que não tem nenhum preparo para governar o Brasil”. No início da pandemia, o deputado federal Osmar Terra chegou a ser cotado para substituir o ex-ministro Henrique Mandetta e foi um dos defensores da tese da imunidade de rebanho.

Sobre a maneira como inquiriu a médica oncologista e imunologista Nise Yamaguchi, Otto salientou que aquele não é seu jeito normal de lidar com as pessoas e que, inclusive, não era esta a sua maneira de lidar com os alunos que teve quando foi professor do curso de medicina da Universidade Federal da Bahia (Ufba). “Encontro os meus alunos e sempre os trato muito bem”, comentou Otto.

O senador disse que a maneira mais ríspida contra a médica, que também possui doutorado em pneumologia (ramo da medicina que estuda doenças do sistema respiratório), foi pelo fato de ela – bem como outros que defendem o tratamento precoce – ter “mentido muito”.

Otto Alencar disse comentou ainda o episódio no qual ele questionou Nise sobre qual exame identificaria se o indivíduo estava já imune à covid, lembrando que este seria o que verifica presença de anticorpos neutralizantes. Quando foi questionada, a médica respondeu corretamente a Otto, porém o senador baiano parece não ter compreendido ou ouvido bem a resposta da imunologista. A redação é do site Política Livre.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios