CidadesCuriosidadesEditorialMenu PrincipalTop
Trending

#Bahia: “O que salva é a vacinação, diz Rui Costa ao criticar medicamento ineficaz contra covid

Declaração foi dada nesta quinta-feira (22) durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais do gestor.

O governador da Bahia, Rui Costa, criticou um medicamento que é considerado ineficaz contra a covid-19 e enfatizou que o que salva é a vacinação. A declaração foi dada nesta quinta-feira (22) durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais do gestor.

“É necessário se prevenir, se proteger. Não existe mágica. Cloroquina mata, não salva. Remédio que não for passado pelo médico mata, não salva. O que salva da Covid é a vacinação. Isso, sim, salva”, disse Rui Costa.

Segundo especialistas, a cloroquina é um medicamento usado para tratar outras doenças, como malária, mas é comprovadamente ineficaz contra a Covid-19.

Ainda na transmissão ao vivo, o gestor estadual falou que o número de casos de Covid-19 caiu no extremo sul da Bahia, mas que foi uma leve queda, se comparado com outros municípios. Ele, no entanto, não detalhou a quantidade de casos.

Na última terça-feira (20), Rui Costa avaliou a situação da pandemia do novo coronavírus no estado. Ele comemorou a redução do número de casos ativos da doença no mês de julho.

Além disso, na quarta-feira (21), a Bahia ultrapassou a marca de 6 milhões de vacinados com a primeira dose ou dose única de imunizante contra a Covid-19. Segundo a Secretaria de Saúde (Sesab), a marca representa 53,95% da população baiana com 18 anos ou mais, estimada em 11.148.781.

De acordo com a Sesab, são ao todo 5.774.794 vacinados contra o coronavírus com a primeira dose, dos quais 2.208.542 receberam também a segunda aplicação, e mais 241.053 vacinados com o imunizante de dose única, até as 16h de quarta-feira. A redação é do site G1 BA.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios