CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolíticaTop
Trending

#Chapada: Itaberaba implanta ‘Ronda Maria da Penha’ e prefeito apresenta projeto que proíbe contratação de agressor

O município chapadeiro dispõe de um equipamento público para atendimento direto que é o Centro de Referência e Atendimento à Mulher (CRAM).

O município de Itaberaba, portal de entrada da Chapada Diamantina, implantou a Ronda Maria da Penha e o prefeito Ricardo Mascarenhas (PP) apresentou projeto de lei que proíbe a contratação de agressor na administração pública. Para reforçar a ronda, uma nova viatura foi entregue, nesta sexta-feira (30), ao 11º Batalhão de Polícia Militar, que será usada nas operações de patrulha da Ronda Maria da Penha.

A implantação do programa é por meio de uma parceria entre a prefeitura, Governo do Estado e da Policia Militar (PM). E a ronda é formada por uma tropa especializada na prevenção e enfrentamento a violência contra a mulher. A atividade principal está na realização de visitas diárias de acompanhamento as mulheres que tiverem a medida protetiva de urgência deferida pela Justiça.

A cerimônia de entrega da viatura e a apresentação do projeto contaram com as presenças do prefeito Ricardo Mascarenhas, do Comandante do 11º Batalhão, tenente-coronel PM Lanzillotti, da coordenadora do Centro de Referência de Atendimento à Mulher (CRAM) de Itaberaba, Adilma Almeida, e demais representantes da gestão.

Durante a cerimônia, o prefeito Ricardo apresentou ao comandante o projeto de lei municipal que proíbe a contratação de homens condenados por violência doméstica. A medida foi encaminhada para a Câmara de Vereadores, onde será apreciada.

“Será um divisor de águas no enfrentamento à violência contra a mulher. Quando aprovada, a lei se torna uma importante ferramenta, que coíbe o ciclo de agressões e gera impactos significativos na segurança pública, colocando Itaberaba no seleto grupo de municípios que se posicionaram efetivamente na luta contra violência doméstica”, aponta a nota de assessoria da prefeitura.

O município também dispõe de um equipamento público que é o Centro de Referência e Atendimento à Mulher. O serviço disponibiliza para as vítimas de violência doméstica, além do acolhimento, uma equipe de profissionais técnicos, atuando no combate à violência contra a mulher, realizando atendimentos, orientações e encaminhamentos no âmbito psicológico, social e jurídico.

“Aqui em Itaberaba, somos parte da rede de proteção à mulher, atendendo, através do CRAM, mulheres em situação de violência. Essa é uma medida importantíssima na prevenção da violência doméstica e com impactos positivos inclusive na segurança pública! Isso nos traz muita felicidade, afinal somos cercados por mulheres guerreiras que respeitamos, amamos e admiramos, e na gestão pública também temos mulheres marcantes com histórias incríveis de superação”, completa o prefeito Ricardo.

Jornal da Chapada

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios