CidadesCuriosidadesEconomiaMenu PrincipalTop
Trending

#Chapada: Reunião estabelece que estrada do Vale do Capão até a sede de Palmeiras terá pavimentação mista

Comissão chama a atenção para aspectos ecológicos, paisagísticos e econômicos que devem nortear essa construção.

Após intensos debates, uma reunião realizada na última quinta-feira (16) estabeleceu que a estrada do Vale do Capão, que fica em Palmeiras, na Chapada Diamantina, terá pavimentação mista. Logo, ficou definido que serão 22km de pavimentação e 11km desses, devem ser de concreto, conforme estabelecido.

Os 11km devem ser de concreto em razão do desnível de 600 metros, da saída de Palmeiras, até a chegada em Caeté-Açu, que conta com ladeiras e que precisam ser conservados na totalidade, de acordo com a comissão da estrada, formada pela sociedade civil. Além disso, é reforçado que os 11km são parte de roteiro de empreendimentos comerciais e levam para muitas trilhas e passeios, poços, rios, cachoeiras e mirantes naturais.

“Reforçamos também a importância de que a parte interna do Vale, já contemplada no projeto, com extensão de 10 km, complemente essa ação, permitindo a organização interna do Vale do Capão para receber o maior fluxo de uma estrada nova e bem construída. Solicitamos que essa pavimentação interna seja com piso Inter travado, o que permitirá o controle da velocidade, a permeabilidade do solo e nos ajudará na conservação da ecologia e dos aspectos estéticos que fazem da nossa localidade uma das mais procuradas para o turismo no nosso estado”, pediram.

Em dias de sol a poeira toma conta da estrada vicinal | FOTO: Divulgação |

Após a decisão, a comissão agradeceu o governo da Bahia, o prefeito de Palmeiras, Ricardo Guimarães (PSD) e demais autoridades, assim como destacou as belezas naturais e internacionais do destino turístico. “Sem a ajuda do governo do estado, essa estrada, tão necessária para nossa comunidade, e que servirá para a qualificação do turismo na região e nesse polo turístico em particular, não seria possível de ser construída”, pontuaram.

A estrada é parte de um complexo turístico que envolve três povoados, ‘Rio Grande’, ‘Conceição dos Gatos’ e por fim o Vale do Capão, destino final dos muitos visitantes que usam diariamente essa estrada. Além disso, é ponto de partida para a famosa trilha do Vale do Pati, Cachoeira da Fumaça e muitos outros importantes destinos turísticos da região.

“Temos certeza que os impactos advindos dessa necessária estrada seriam mitigados com essa pequena mudança para que a estrada não seja na sua totalidade de asfalto, uma vez que esses 11 km são parte de um roteiro com muitos empreendimentos comerciais e nos levam a muitas trilhas e passeios, poços, rios, cachoeiras e mirantes naturais”, pontuaram na carta.

A comissão chama a atenção para aspectos ecológicos, paisagísticos e econômicos que devem nortear essa construção. “Pedimos que se faça uma estrada que preserve nossas belezas naturais, nossa fauna e flora e que se leve em conta que nossa localização nos torna uma importante área de interesse ambiental”.

Jornal da Chapada

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios