CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolíticaTop
Trending

#Brasil: “Virou uma babilônia”, diz Joice Hasselman sobre o PSL; deputada foi para o PSDB

A filiação aconteceu nesta quinta-feira e contou com a presença do governador de São Paulo, João Doria.

A deputada federal Joice Hasselman (SP) saiu do PSL e se filiou nesta quinta-feira (7) no PSDB em evento que contou com a presença do governador de São Paulo, João Doria.

A parlamentar, que ganhou fama com jornalismo sensacionalista na revista Veja e espalhando fake news na internet, se elegeu deputada em 2018 pelo PSL e foi cabo eleitoral do então candidato Jair Bolsonaro e um dos rostos da campanha “Bolsodoria”, que culminaria com a eleição de Doria em SP no mesmo ano.

Ex-líder do governo Bolsonaro, Joice Hasselmann afirma que o PSL perdeu completamente o rumo e se tornou “uma biruta de aeroporto”.

Sem identificação
A parlamentar da extrema direita entrou com um pedido de desfiliação no TSE e, como justificativa, alegou ser perseguida no partido e que não se identifica mais com a legenda, pois, novamente ela está entregue aos bolsonaristas. “Bolsonaro saiu do partido, mas o partido não saiu do Bolsonaro”, critica.

Nas suas redes, a parlamentar não poupa críticas ao governo e a fusão entre o PSL e o DEM. “Espero que a união de DEM ao PSL, e a criação do União Brasil – signifique de fato uma fusão e não uma CONFUSÃO. Talvez, a chegada de alguém que entende de política para dar as cartas, como ACM Neto e seu grupo, dê um rumo a essa babilônia q se transformou o PSL. Talvez. Boa sorte”.

Nesta quinta-feira (6) Joice também não poupou críticas ao ministro da Economia e o classificou como “Impostor Ipiranga”, em referência ao termo que o presidente Bolsonaro utilizava na campanha eleitoral de 2018 quando era questionado sobre pautas econômicas e sempre respondia “que não entendia de economia” e que era tudo com o Guedes, o seu posto Ipiranga.

“Guedes na boca do gol para ser convocado pela Câmara dos Deputados para explicar a bufunfa q tem em offshore em paraísos fiscais. Guedes lucrou MTO com a destruição do real. Quanto mais o dólar sobe, e o real cai, mais milhões pingam no bolso do “Impostor Ipiranga”. Isso é CRIME!”.

Futuro incerto
De malas prontas para o ninho dos tucanos, o futuro político de Joice Hasselmann é incerto. Após romper com o bolsonarismo viu boa parte de seu eleitorado derreter. Eleita com mais de 1 milhão de votos em 2018, quando disputou a prefeitura da cidade de São Paulo, em 2020, amargou um sétimo lugar e teve 100 mil votos.

Com o PSDB a deputada terá uma legenda com estrutura e militância, todavia, fica a dúvida se a deputada vai se adaptar ao liberalismo tucano ou está levando as suas teses extremistas para o partido, pois, nunca é demais lembrar que a deputada foi uma das responsáveis por propagar discurso de ódio contra as LGBT ao difundir as teses do Escola Sem Partido.

Por fim, Joice Hasselmann sabe que do bolsonarismo não recebe voto nem para síndica e que agora resta apresentar uma roupagem mais moderada, digamos, mais neoliberal e anti-bolsonaro para se reeleger. Com informações da Revista Fórum.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios